Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas


Portal Chespirito



Criar novo tópico Responder  [ 104 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 3, 4, 5, 6, 7  Próximo
  Exibir página para impressão

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 24 Dez 2015, 14:13 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2015/12/mulher-da-luz-na-calcada-de-hospital-em-mesquita-no-rj.html

O Hospital da Mãe, em Mesquita, na Baixada Fluminense, referência em obstetrícia, está atendendo apenas as gestantes com grande dilatação.

As outras gestantes que procuram a unidade estão sendo mandadas de volta para casa devido à crise na saúde do Rio de Janeiro.

Na segunda-feira (21), uma mulher deu à luz na calçada do hospital, como mostrou o Bom Dia Rio.

A paciente afirma que chegou ao hospital com 38 semanas de gestação e sentindo muitas dores. A médica teria pedido para que ela voltasse depois do domingo (27), pois não havia sinais de que a criança nasceria naquela semana. A mulher saiu amparada pelo marido e deu à luz na calçada da unidade.

A bebê, chamada Ana Luísa, passa bem.

A paciente afirma ainda que só foi auxiliada no parto pelas enfermeiras. A médica que a atendeu afirma que não deu alta, apenas tinha autorizado que ela saísse para lanchar.

As unidades das redes municipais já registram aumento na procura pelas gestantes. A Maternidade Mariana Bulhões, em Nova Iguaçu, na Baixada, opera no teto da capacidade. A unidade, que sempre recebeu gestantes de outros municípios, afirma que o movimento aumentou bastante desde o começo da crise nos hospitais estaduais.

“Nós tivemos um aumento de 40% no movimento por causa do momento que estamos vivendo. Estamos superlotados, mas estamos fazendo o possível para atender a população”, afirmou Renata Maia, assessora da direção de enfermagem da unidade.

A filha da auxiliar de enfermagem Simone Oliveira deu entrada na Maternidade Mariana Bulhões na manhã desta quinta (24). Ela conta que buscou socorro na Maternidade de Mesquita, mas não conseguiu auxílio. “Eu voltei aqui e consegui atendimento, a minha filha está internada e está entrando em trabalho de parto”, afirmou Simone.

Na porta do Hospital Rocha Faria, em Campo Grande, na Zona Oeste, uma gestante que estava com dores, não conseguiu atendimento e teve que voltar para casa. “Falaram que não tem ultrassom e nem internação aqui não”, afirmou a grávida.

Hospital da Mulher, em São João de Meriti, que custou R$ 40 milhões e tem 127 leitos fechou as portas esta semana por não ter material hospitalar.




Imagem
Só que não...

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 25 Dez 2015, 10:18 
Offline
Avatar do usuário
Administrador

Registrado em: 29 Jan 2009, 13:37
Mensagens: 41543
Localização: Porto Alegre - RS
Curtiu: 638 vezes
Foi curtido: 2678 vezes
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Grêmio
Erick Alessandro escreveu:
Olha como o Brasil vai acabar com a microcefalia.

http://saude.estadao.com.br/noticias/ge ... 0000003809

O novo padrão está de acordo com aquele adotado pela Organização Mundial da Saúde.

_________________
• Jornalista
• No meio CH desde 2003
• Um dos fundadores do Fórum Chaves. Administrador desde 2010
• Autor do livro "O Diário do Seu Madruga"
• Membro do Fã-Clube Chespirito Brasil
• Eleito pelos usuários como o melhor moderador em 2011, 2012, 2013 e 2014


Realizações no meio CH:
• Apoio na realização da etapa brasileira de América Celebra a Chespirito, em 2012
• Produção de entrevistas com Roberto Gómez Fernández, Ana de la Macorra e Ricardo de Pascual
• Entrevistei Rubén Aguirre, Edgar Vivar, Maria Antonieta de las Nieves e Carlos Villagrán
• Viabilizei a entrega da camiseta do Fórum Chaves para Chespirito
• Cobertura jornalística e de redes sociais de praticamente todos os grandes eventos e notícias CH desde 2010
• Um dos idealizadores do "Sigam-me os Bons", campanha social do Fórum e Fã-Clube
• Um dos idealizadores do Bloco Sigam-me os Bons, primeiro bloco temático CH de carnaval em São Paulo
• Apoio e participação nas turnês do Senhor Barriga, Kiko e Paty no Brasil
• Desmentido de todos os boatos envolvendo CH nos últimos anos
• Autor do furo sobre o Chaves no Multishow
• Coordenei o Projeto CH Legendado, que tornou acessível em português os inéditos de Chaves e Chapolin


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 11 Jan 2016, 02:21 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2016/01/fantastico-entra-em-uti-para-tentar-entender-por-que-tantos-erros-medicos.html

Uma reportagem no Bom Dia Brasil de terça-feira (5) mostrou que um médico confundiu um ferimento de bala perdida com um corte. Aconteceu na cidade de Samambaia, Distrito Federal.

O Michael, de 11 anos, foi atingido por uma bala perdida no rosto, na noite de Réveillon. A família teve que levá-lo a três hospitais diferentes até conseguir o diagnóstico certo. O primeiro médico que atendeu o menino não percebeu que havia uma bala entre a boca e o nariz e costurou o rosto dele com a bala dentro, acredita ?

O Michael não está sozinho nesse drama, não. A estimativa é de que, a cada ano, mais de 500 mil brasileiros sejam vítimas de erros médicos.

Como explicar tantos erros? E o que é possível ser feito para garantir a segurança dos pacientes?

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 11 Jan 2016, 22:56 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2016/01/presidente-de-comissao-de-saude-do-rj-falta-plantoes-do-rocha-faria.html

Enquanto o sistema de saúde no Rio de Janeiro agoniza em meio à crise financeira do estado, médicos recebem para trabalhar, mas faltam aos plantões.

Uma denúncia exclusiva do Jornal Nacional mostra que um deles, Gilberto de Oliveira Lima, além de médico da rede pública, é vereador e presidente da Comissão de Saúde Pública do Rio, responsável por fiscalizar a saúde no município.

O anestesista, mais conhecido como Doutor Gilberto, é vereador pelo PTN e presidente da Comissão de Saúde Pública da Câmara de Vereadores do Rio.

No último fim de semana, estava na escala de plantão de 24 horas na emergência do Rocha Faria e não foi encontrado pela reportagem. Funcionários afirmaram que ele nunca vai aos fins de semana.

Quem sofre é a população e nós que trabalhamos que acabamos ficando sobrecarregados, né ? A gente trabalha pelos outros. A população demora a ser atendida. Às vezes não consegue ser atendida. A gente trabalha muito, não recebe o que a gente deveria trabalhar. Acho que falta um pouco mais de fiscalização em cima disso”, declarou um médico, que preferiu não ser identificado.

Por telefone, o vereador Doutor Gilberto disse que, como coordenador de equipe, ele não precisa dar plantão e que o nome dele só entra na escala do fim de semana para completar a carga horária de 24 horas semanais.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 03 Fev 2016, 05:51 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Imagem

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 17 Mai 2016, 22:41 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://www.valor.com.br/politica/4567095/ministro-da-saude-recua-e-diz-que-nao-pretende-rever-tamanho-do-sus

Após afirmar que o Estado não tem como assumir todas as garantias previstas na Constituição, incluindo o acesso universal à saúde, o ministro da área, Ricardo Barros, disse nesta terça-feira que o Sistema Único de Saúde (SUS) está estabelecido e que não deve rever o tamanho do sistema.

Em um sinal de recuo, Ricardo Barros disse que é preciso rever os gastos com a Previdência, assim como ocorreu em outros países, mas não o acesso à saúde. "O SUS está estabelecido, estamos atendendo o máximo de pessoas possível, com o maior número de precedimentos que podemos autorizar e remédios, mas evidentemente que isso é que isso é insuficiente para a proposta constitucional do SUS que é saúde universal para todos. Para que possamos ampliar o SUS, teremos que repactuar a divisão de recursos que existe entre as diversas áreas do governo", afirmou à Folha.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 18 Jul 2016, 15:56 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/planos-de-saude-perdem-15-milhao-de-usuarios-em-um-ano.html

Cerca de 1,5 milhão de pessoas deixaram de ter planos de saúde no Brasil nos últimos 12 meses.

De acordo com os dados da ANS, havia 48,4 milhões de beneficiários em junho, número que era de 50,1 milhões no mesmo mês de 2015.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 29 Jul 2016, 04:04 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Imagem

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde Pública e Planos de Saúde Particulares • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 29 Jul 2016, 04:15 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/celso-barros-fora-da-unimed-rio.html

Imagem
Acaba de ser votada a destituição do conselho administrativo da encrencada Unimed-Rio, numa assembleia geral.

Ou seja, Celso Barros, que comandou a operadora nas duas últimas décadas, está fora da presidência do conselho.

Também foi decidido que, no prazo de 30 dias, uma nova eleição para novo conselho seja feita.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 25 Nov 2016, 13:35 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://globoesporte.globo.com/futebol/times/fluminense/noticia/2016/11/unimed-rio-processa-celso-barros-que-tem-bens-bloqueados-pela-justica.html

Imagem

A Justiça do Rio de Janeiro determinou o bloqueio de bens de Celso Barros.

A decisão atende a um pedido da Unimed-Rio, cooperativa de médicos presidida pelo atual candidato à presidência do Fluminense entre 1998 e 2016.

O motivo é um pedido de indenização por conta de, no entendimento da empresa, irregularidades no balanço financeiro de 2014 - reprovado pelo Conselho Fiscal - e na gestão da Unimed-Rio.

Foi o juiz Alexandre de Carvalho Mesquita, da 1ª Vara Empresarial do Rio, quem determinou o bloqueio tanto de imóveis quanto de veículos.

A decisão, tornada pública na quarta-feira, um dia após a abertura do processo 0400163-48.2016.8.19.0001, visa garantir que Celso Barros, caso seja considerado culpado, tenha recursos para ressarcir a Unimed-Rio.

A Unimed-Rio faz questionamentos sobre a maneira de Celso Barros administrar a empresa.

Entende ter sofrido prejuízo com os contratos de imagem firmados com jogadores contratados pelo Fluminense.

Além de não darem retorno, a ação reclama das indenizações que os atletas moveram contra ela por conta de inadimplência.

Cita que o atacante Fred, por exemplo, cobrou R$ 10 milhões.

E que, no acordo, foi oferecido um bem imóvel como garantia, o que desrespeitaria o Estatuto Social da cooperativa.

Imagem

Os processos têm como alvo Celso Barros e Abdu Kexfe, ex-vice-presidente da cooperativa. Os dois teriam causado prejuízo de R$ 730 milhões à Unimed-Rio.

Além da indenização, a Unimed-Rio pediu que o Ministério Público Federal apure a possibilidade da existência de crimes, como o não recolhimento de impostos.

Imagem

Celso Barros disse não entender que o caso prejudique a sua candidatura à presidente do Fluminense.
- Se prejudicar, ficará evidenciado que o torcedor do Fluminense que vota está mais preocupado com a Unimed-Rio do que com o risco de cair para a segunda divisão no próximo ano. Ou alguém duvida que seja esse o caminho anunciado pela experiência do (Pedro) Abad, do Peter (Siemsen) e do Mário Bittencourt com o futebol ? E cair sem patrocínio master, amigo, envolve cair de vez - argumentou.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 09 Dez 2016, 22:12 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/pericia-contabil.html

Imagem

Cerca de 400 cooperados e ex-cooperados da Unimed-Rio criaram uma associação e entraram com um processo contra a encrencada operadora para pedir judicialmente uma perícia contábil nas contas da holding.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 18 Fev 2017, 20:44 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Mensagens: 26767
Curtiu: 2335 vezes
Foi curtido: 1467 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Romário defende que SUS realize cirurgia polêmica a que foi submetido
Procedimento registrou sete mortes e é rejeitado pelo Conselho Federal de Medicina

NONATO VIEGAS
15/02/2017 - 17h09 - Atualizado 15/02/2017 18h07

Imagem
Senador Romário fala no plenário do Senado (Foto: Reprodução)

Recém-operado, o senador Romário Faria (PSB-RJ) afirmou nesta quarta-feira (15) em plenário que trabalhará com o objetivo de o SUS realizar a cirurgia de interposição ileal, a que foi submetido recentemente, em pessoas diabéticas. A posição de Romário é tão polêmica quanto o procedimento cirúrgico. O Conselho Federal de Medicina (CFM) rejeita o procedimento. Também há registros de que sete pessoas morreram após serem submetidas a ela.

De acordo com Romário, visivelmente mais magro, a cirurgia não é regulamentada em razão do interesse da indústria farmacêutica em vender remédios. “Oitenta e cinco por cento dos procedimentos são bem-sucedidos”, disse. Ele só não citou a origem da informação.
EXPRESSO / ÉPOCA


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 19 Fev 2017, 02:46 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
LAURO JARDIM - O GLOBO

Imagem

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 19 Fev 2017, 18:17 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 13 Nov 2012, 23:45
Mensagens: 5241
Localização: Casa da tia Luisa
Curtiu: 63 vezes
Foi curtido: 428 vezes
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Jogo do Contente F.C.
Bem que podia aumentar ainda mais o preço dos remédios.

_________________
Imagem

VAMOS JOGAR O JOGO DO CONTENTE! :)


http://conteudo.imguol.com.br/c/entretenimento/2015/03/30/paulina-bracho-a-gemea-boa-de-a-usurpadora-1427746604702_320x200.jpg


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Saúde • Notícias e discussões sobre políticas públicas de saúde e planos de saúde particulares
MensagemEnviado: 13 Mar 2017, 05:01 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70740
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4318 vezes
Foi curtido: 1030 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://odia.ig.com.br/economia/2017-03-11/precos-dos-remedios-devem-subir-ate-476.html

Os preços dos remédios nas farmácias devem ser corrigidos entre 1,36% 4,76% a partir do mês que vem.

O cálculo do aumento dos medicamentos foi estimado pela indústria farmacêutica.

Conforme o levantamento da Interfarma, que representa o setor, a variação leva em conta os critérios que compõem a fórmula adotada pelo governo para fixar os índices mínimos e máximos.

Os percentuais oficiais deverão ser divulgados no fim do mês pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed).

O reajuste vai incidir sobre os preços de pelo menos 19 mil produtos.

Fazem parte dos critérios para o cálculo o IPCA, além de fatores como produtividade, custos dos insumos e concorrência do setor.

Mesmo com o anúncio do aumento ocorrendo no fim de março, o repasse para o consumidor só deverá acontecer após a recomposição dos estoques das farmácias e fabricantes.


Lamentável. :(

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 104 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 3, 4, 5, 6, 7  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para:  
cron