América Latina

Espaço para debates sobre assuntos que não sejam relacionados a Chespirito, como cinema, política, atualidades, música, cotidiano, games, tecnologias, etc.
Avatar do usuário
gusta dos biscoitos
Membro
Membro
Mensagens: 10696
Registrado em: 24 Jul 2018, 12:05
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Grêmio
Localização: RSRSRSRS
Curtiu: 4579 vezes
Curtiram: 993 vezes

Re: América Latina

Mensagem por gusta dos biscoitos » 25 Mar 2020, 20:22

outro líder retardado

Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Re: América Latina

Mensagem por E.R » 26 Mar 2020, 15:04

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020 ... ismo.ghtml

Imagem

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos apresentou acusações criminais contra o presidente Nicolás Maduro e outras autoridades venezuelanas relacionadas a envolvimento com narcotráfico.

O Departamento de Estado americano ofereceu uma recompensa de US$ 15 milhões por informações que levem à captura do líder chavista.

Eles são acusados de "terem participado de uma associação criminosa que envolve uma organização terrorista extremamente violenta, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), e de um esforço para inundar os Estados Unidos com cocaína", afirmou o procurador-geral americano William Barr.

A acusação é uma ação rara dos Estados Unidos contra um chefe de Estado e marca uma grave escalada contra Maduro por Washington, num momento em que algumas autoridades americanas apontam que o presidente Donald Trump está cada vez mais frustrado com os resultados de sua política na Venezuela.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Re: América Latina

Mensagem por E.R » 10 Abr 2020, 08:18

https://veja.abril.com.br/mundo/ex-pres ... o-equador/

O ex-presidente do Equador, Rafael Correa foi condenado pela Corte Penal Nacional do Equador a oito anos de prisão, sob a acusação de liderar uma rede de corrupção.

Rafael Correa e outras 16 autoridades de sua gestão foram considerados culpados no chamado “Caso Subornos 2012-2016”, que envolveu a construtora brasileira Odebrecht.

Presidente do Equador entre 2010 e 2017, Rafael Correa é acusado de ter facilitado a vitória de empresas parceiras em licitações de seu governo, em troca de financiamento para o partido fundado por ele, o Alianza País.

Segundo a corte, construtoras pagaram 7 milhões de dólares (cerca de 37 milhões de reais) em proprina para obter os contratos junto ao governo equatoriano. Entre as empresas envolvidas está a empreiteira Odebrecht.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
Phoebe Buffay
Membro
Membro
Mensagens: 8068
Registrado em: 13 Nov 2012, 23:45
Programa CH: Chespirito
Localização: Casa nº 21
Curtiu: 22 vezes
Curtiram: 698 vezes

Re: América Latina

Mensagem por Phoebe Buffay » 10 Abr 2020, 21:46

Um outro nojento que mancha a nossa combalida esquerda, não vale a gravata que usa.
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 08 Jun 2020, 21:28

NOTÍCIAS
https://exame.com/economia/argentina-qu ... sistencia/

Imagem

O governo do presidente argentino Alberto Fernández apresentou uma proposta ao Congresso do país para taxar, em uma única vez, fortunas milionárias, com o objetivo de fortalecer a arrecadação federal para garantir assistência médica aos mais pobres.

De acordo com reportagem da BBC, quem tiver patrimônio declarado acima de 3 milhões de dólares no país será taxado entre 2% e 3,5%.

Em entrevista ao canal C5N, de Buenos Aires, e reproduzida pela BBC, o presidente Alberto Fernández ressaltou que a contribuição só acontecerá uma vez e é importante devido à crise econômica causada pelo novo coronavírus.

Autores do projeto estimam que seriam arrecadados cerca de 3 bilhões de dólares.

De acordo com o presidente da Argentina, cerca de 12.000 pessoas concentram essa riqueza no país.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 22 Jun 2020, 06:02

NOTÍCIAS
https://oglobo.globo.com/opiniao/urugua ... 1-24488664

Imagem

O custo social e econômico da pandemia está obrigando governos a encontrarem soluções criativas para oxigenar o ambiente de negócios.

O Uruguai decidiu flexibilizar as regras domésticas para atrair capital, empresas e imigrantes.

A partir de 1º de julho vai dar residência fiscal a todos os estrangeiros que adquiram propriedade de valor acima de US$ 337 mil, equivalentes a pouco mais de R$ 1,7 milhão, com obrigação de morar no país por ao menos 60 dias por ano.

O decreto do presidente Luis Lacalle Pou reduziu em 80% a exigência de investimento para residência fiscal.

Em contrapartida, diz o texto, o Estado uruguaio oferece aos investidores a “garantia de políticas públicas de investimento e de migração, sua institucionalidade, um ambiente de liberdade econômica e social e uma terra de recursos naturais únicos”.

Haverá benefícios de residência fiscal também para empreendedores com capacidade de gerar ao menos 15 empregos, a partir de aplicação mínima de US$ 1,6 milhão (R$ 8,3 milhões). Nesse caso a redução tributária foi de 66%.

Lacalle Pou estabeleceu uma competição regional de isenções fiscais.

Abriu o país aos estrangeiros, de forma geral, mas o seu alvo é mesmo a Argentina. Projeta-se a migração de 100 mil argentinos para residência fiscal no Uruguai, que oferta um período de dez anos de isenção de Imposto de Renda e de outros tributos, inclusive sobre Bens Pessoais.

Esse tipo de programa fiscal é coerente com aqueles que têm sido adotados por vários países integrantes da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

A decisão uruguaia tende a levar os sócios do Mercosul a acelerarem seus projetos de desregulação e de atração de capitais, até porque o sucesso depende de acordos regionais, que modulem a progressão dos incentivos tributários.

O custo econômico imposto pela pandemia, com desajuste das contas públicas e enorme impacto nas taxas de desemprego, é estímulo a todos os governos na convergência para mecanismos de sedução dos investidores externos.
Imagem
Imagem

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38503
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3086 vezes

América Latina

Mensagem por Victor235 » 22 Jun 2020, 16:11

Eduardo Bolsonaro usa Argentina como exemplo para criticar a oposição
Em seu perfil no Twitter, o filho 03 do presidente de Jair Messias Bolsonaro escreveu: “Criticaram @mauriciomacri, agora comem na mão da esquerda. Nenhum governo é perfeito, mas antes uma direita debilitada do que qualquer esquerda no poder”.
https://www.poder360.com.br/congresso/e ... -oposicao/
"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 22 Jun 2020, 17:52

NOTÍCIAS
Imagem
Imagem

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38503
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3086 vezes

América Latina

Mensagem por Victor235 » 22 Jun 2020, 20:18

PSTU chegou à Argentina :vamp:
"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38503
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3086 vezes

América Latina

Mensagem por Victor235 » 04 Jul 2020, 21:09

Venezuela ordena prisão de colaboradores de Guaidó por ‘roubo’ de ouro
O Ministério Público da Venezuela ordenou nesta 6ª feira (3.jul.2020) a prisão e o congelamento de bens de 11 colaboradores do líder opositor e auto proclamado presidente da Venezuela, Juan Guaidó. De acordo com o órgão, o grupo roubou as reservas de ouro armazenadas no Banco da Inglaterra (BoE) e, por isso, é acusado de “traição à pátria”. O Reino Unido declarou na 5ª (2.jul) que Maduro não pode ter acesso ao ouro.
A decisão do Ministério Público venezuelano foi anunciada pelo procurador-geral Tarek William Saab, em 1 discurso na rede de TV estatal. “A todos esses criminosos que agiram para favorecer os interesses de potências estrangeiras […] são atribuídos os crimes de traição à pátria, usurpação de funções e formação de quadrilha”, disse Saab.
Como todos vivem fora da Venezuela, o governo de Nicolás Maduro não descarta ações internacionais para cumprir as ordens de prisão.
A Justiça do Reino Unido acatou na última 5ª (2.jul) o pedido de Guaidó para que o governo de Maduro seja impedido de ter acesso aos bilhões de dólares em ouro que estão depositados no BoE. Na sentença, o juiz Nigel Teare, do tribunal comercial da Suprema Corte britânica, afirmou que o Reino Unido reconhece Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela e, portanto, é quem tem poder sobre o ouro.
https://www.poder360.com.br/internacion ... o-de-ouro/
"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 13 Jul 2020, 13:17

NOTÍCIAS
https://revistaoeste.com/empresas-dao-a ... no-brasil/

Por causa da crise econômica da Argentina, empresas do setor automotivo estão deixando o país governado por Alberto Fernández.

Essas empresas já definiriam sua nova casa : o Brasil.

A Saint-Gobain Sekurity, fornecedora de autopeças, anunciou na semana passada um acordo de demissão voluntária com seus 150 funcionários argentinos e a mudança para o Brasil.

Além disso, nas últimas semanas, outras companhias do ramo anunciaram que estão de malas prontas rumo ao Brasil. É o caso da Axalta e Basf, que produzem resinas e tintas para automóveis.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
Phoebe Buffay
Membro
Membro
Mensagens: 8068
Registrado em: 13 Nov 2012, 23:45
Programa CH: Chespirito
Localização: Casa nº 21
Curtiu: 22 vezes
Curtiram: 698 vezes

América Latina

Mensagem por Phoebe Buffay » 15 Jul 2020, 22:52

Pela milésima vez: justicialismo não é de esquerda, nem de direita, nem de centro. É PERONISTA!
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 29 Jul 2020, 19:19

NOTÍCIAS
https://www.infomoney.com.br/economia/a ... -economia/

A Argentina vai buscar um novo programa com o Fundo Monetário Internacional, independentemente do resultado das negociações com credores de US$ 65 bilhões de títulos internacionais em default, disse o ministro da Economia, Martín Guzmán.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 14 Set 2020, 06:41

NOTÍCIAS
https://www1.folha.uol.com.br/mundo/202 ... tena.shtml

Imagem

Manifestações antigoverno e antiquarentena ocorreram neste domingo (13), em distintas cidades da Argentina.

Na capital, Buenos Aires, houve dois protestos, um maior, ao redor do Obelisco, na avenida 9 de Julio, a principal da cidade, e outra, menor, diante da residência oficial de Olivos, onde vive o presidente Alberto Fernández.

Conhecida como #Marcha13STodosaLasCalles (todos às ruas) e convocada por meio desta hashtag pelas redes sociais, a manifestação ocorreu também em Córdoba, Rosário, Mendoza, Tucumán e Bariloche (convocada por empresários e trabalhadores do turismo, sem trabalho desde março) e em outras regiões.

Os principais gritos de guerra foram "todos pela República", "Todos pela liberdade", "Fora, Cristina".

As reclamações são pelo estado da economia, que vem sentindo os efeitos de uma longa quarentena, o aumento do desemprego e da pobreza, e contra o governo de Alberto Fernández.

Reclamam do mandatário a falta de um plano de reativação da economia.

Desde março, foram perdidos mais de 280 mil empregos (dados do Indec), devido a fechamentos de negócios e falências de empresas.

Os manifestantes também se opõem à reforma da Justiça enviada pelo governo de Alberto Fernández ao Congresso, já aprovada pelo Senado e que está sendo debatida na Câmara de Deputados. A lei aumentaria o número de tribunais e funcionários em distintos lugares do país, com a justificativa de tornar os processos mais rápidos. O cidadão comum, porém, entende que se trata de um avanço do Executivo contra o Judiciário, com a finalidade de livrar a vice-presidente, Cristina Kirchner, dos sete processos de corrupção pelos quais responde —em dois deles já tem prisão preventiva decretada.

Houve concentração de manifestantes, neste domingo, também diante do apartamento em que Cristina Kirchner vive quando está em Buenos Aires, no bairro da Recoleta. Iniciado às 16h, o ato reuniu pessoas que caminhavam, abraçadas a bandeiras argentinas, ou que permaneciam em filas de carros, que buzinavam pelas principais avenidas.

Das varandas dos apartamentos, ouvia-se o som dos panelaços. Outra das preocupações dos manifestantes é o aumento da insegurança nas cidades argentinas, com crescimento de roubos e furtos. Manifestantes alegam que estariam relacionados ao fato de o governo argentino ter liberado 4.500 presos das penitenciárias por conta do risco do contágio pelo coronavírus.

Causa preocupação entre a classe média e média alta que a polícia da província de Buenos Aires também tenha protestado na semana passada, por conta de uma reivindicação salarial e pelo aumento da quantidade de trabalho por conta das tarefas de controle da quarentena, deixando a população desprotegida.

Por fim, houve cartazes contra a liberação para prisão domiciliar, na última semana, de Lázaro Báez, o empresário vinculado a Cristina Kirchner, que vinha sendo processado por lavagem de dinheiro. "Lázaro livre, e nós presos na quarentena", eram alguns dos cartazes populares no ato.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

América Latina

Mensagem por E.R » 18 Set 2020, 20:15

NOTÍCIAS
https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020 ... dade.ghtml

Imagem

Nicolás Maduro, o presidente da Venezuela, e os ministros mais importantes de seu governo estão vinculados a possíveis "crimes contra a humanidade", afirmou uma missão da ONU.

Imagem

Foi apresentado um relatório sobre a prática sistemática de tortura e execuções extrajudiciais no país.

Os encarregados pelo texto encontraram "motivos razoáveis para acreditar que as autoridades e as forças de segurança venezuelanas planejaram e executaram desde 2014 graves violações dos direitos humanos", declarou Marta Valiñas, a presidente da missão da ONU.
Imagem
Imagem

Responder