Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]


Portal Chespirito Chico Rei



Criar novo tópico Responder  [ 215 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 11, 12, 13, 14, 15  Próximo
  Exibir página para impressão

Re: Teatro
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 28 Jun 2017, 05:15 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

Os atores Marcos Caruso, Mateus Solano e Miguel Thiré e o produtor Carlos Grun se uniram em prol do Teatro Leblon.

Eles preparam uma jornada dupla de apresentações das peças “O escândalo Philipe Dussaert” e “Selfie” no espaço.

Com isso, a sala, que fecharia as portas temporariamente a partir de segunda-feira, ganhou uma sobrevida, e funcionará até 30 de julho.
— Não estamos salvando o Teatro Leblon. É uma ação pontual para chamar a atenção de todos, queremos abrir uma discussão, descobrir como podemos sobreviver e nos reinventar. Não podemos ficar parados, olhando os teatros da cidade fecharem as portas — disse Carlos Grun, produtor dos espetáculos.

Ele espera que a iniciativa mobilize a classe artística e ajude o Teatro Leblon a continuar funcionando.
— Temos que nos mobilizar, flexibilizar a forma de fazer teatro, pensar em novas abordagens para atrair o público. Precisamos chamar a responsabilidade. Temos grandes peças e atores, mas precisamos do público — disse o produtor.

O fechamento temporário do Teatro Leblon foi anunciado há uma semana pelo dono, Wilson Rodriguez, que alegou baixo faturamento neste período de crise econômica.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 06 Jul 2017, 07:49 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
https://oglobo.globo.com/cultura/nenhum-teatro-estadual-tem-autorizacao-dos-bombeiros-para-funcionar-21554058

Todos os nove teatros administrados pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC), entre eles o Teatro Municipal, a Casa de Cultura Laura Alvim e o Teatro João Caetano, estão pelo menos desde o ano passado sem autorização do Corpo de Bombeiros para funcionar.

Os espaços estão sem um documento chamado Certificado de Registro, renovado anualmente e que garante a segurança contra incêndios.

No caso do Municipal, a autorização não é válida desde janeiro de 2016.

Já a Sala Cecília Meireles não a tem desde 2011.

Nas palavras do próprio subsecretário de Planejamento e Gestão da SEC, Leandro Sampaio Monteiro, se esses equipamentos fossem privados, hoje não estariam abertos.
— Sei da importância disso, e estou dando meu jeitinho brasileiro para tentar resolver a questão — diz Monteiro. — Nenhum equipamento foi aprovado pelos Bombeiros. Os teatros não estão legalizados. E eu acho que isso deveria ter sido prioridade. Deveriam ter batido na porta do governador e dito : “Se acontecer no Municipal o que aconteceu na boate Kiss, quem vai responder é o senhor, é o secretário”.

Aos 38 anos, Leandro Sampaio Monteiro está na secretaria desde fevereiro, quando o deputado estadual André Lazaroni assumiu a pasta em substituição à gestora cultural Eva Doris Rosental.

Seu conhecimento sobre os riscos para os teatros tem a ver com seu ofício : sem atuação anterior em cultura, formado em Administração de Empresas, Leandro Sampaio Monteiro é coronel do Corpo de Bombeiros e durante sete anos foi o chefe responsável pela fiscalização de bairros da Zona Sul.

Hoje, cabe a ele cuidar de contratos, licitações e pagamentos da SEC.

Para manter os equipamentos abertos sem risco para a população, ele explica que tem feito acordos com as empresas que utilizam os espaços estaduais. Por exempl o: quando um produtor aluga o Municipal para shows, o subsecretário pede que faça a recarga dos extintores. Além disso, ele pede ajuda para sua corporação :
— O Teatro Municipal pode abrir porque montamos toda uma estrutura e, mesmo sem a documentação, recebemos auxílio do Corpo de Bombeiros. Eles mandam equipes para ficar de prontidão, mandam ambulância. É um equipamento do estado, né ? Se os bombeiros fazem a prevenção do Rock in Rio, da Copa do Mundo e de outros eventos privados, por que não fazer a prevenção de um equipamento do próprio estado ?

De acordo com o Corpo de Bombeiros, são três os documentos necessários para o funcionamento de espaços como o Teatro Municipal. O primeiro é o Laudo de Exigências, no qual a corporação lista os requisitos de segurança contra incêndio e pânico para cada local. O segundo é o Certificado de Aprovação, em que se atesta que foram cumpridos os requisitos do Laudo de Exigências, e que é válido indefinidamente, até serem realizadas mudanças estruturais no prédio. Por fim, o Certificado de Registro deve ser renovado anualmente e serve especificamente para verificar a segurança para receber público, com foco em lotação, escape e sinalização.

O Corpo de Bombeiros explica ainda, que, “quando a corporação toma conhecimento de que o estabelecimento não se encontra de acordo com as normas vigentes, são emitidos os seguintes documentos: notificação, 1º Auto de Infração e 2º Auto de Infração, podendo culminar em interdição”.

A razão para a falta dos certificados, segundo a Secretaria de Cultura, foi o não pagamento da empresa que fazia a manutenção de segurança dos espaços estaduais. Por não receber, o serviço foi interrompido. Um novo edital já foi lançado pela SEC, e a licitação está marcada para 15 de agosto. Mas, na melhor das hipóteses, após todo o trâmite legal para a contratação de uma nova empresa, a manutenção só começaria a ser realizada em meados de setembro. Segundo o subsecretário, o valor do edital, para todos os equipamentos, é de cerca de R$ 120 mil — caso seja encontrado algum problema maior a ser solucionado, o valor aumenta.

— O que fizemos foi determinar prioridade para tentar resolver o problema dos equipamentos que estão funcionando. Mas, mesmo que os extintores estejam carregados, precisamos contratar uma empresa para verificar, por exemplo, como estão o para-raios e o sistema preventivo fixo — explica Monteiro.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 08 Jul 2017, 05:56 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

Acabou a paciência dos funcionários do Teatro Municipal. Apesar de afirmarem que a programação não seria alterada, o corpo técnico e artístico, há dois meses sem salários, desistiu de encenar “Carmina Burana”, um dos grandes destaques da temporada.

O espetáculo, marcado para os dias 13, 21, 22 e 23 deste mês, foi suspenso por tempo indeterminado.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 15 Jul 2017, 17:11 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
ANCELMO GOIS - O GLOBO

Imagem
Vem aí um musical sobre os Los Hermanos, a banda carioca.

O nome provisório do espetáculo é “Pormenores” e deve ter direção de João Falcão.

A Sapo Produções acaba de ser autorizada a captar R$ 8.374.290, pela Lei Rouanet.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 28 Jul 2017, 05:42 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

Imagem

O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, afirmou ontem que uma das suas principais prioridades para a cidade do Rio é a reabertura da casa de shows Canecão, em Botafogo.

Palco de grandes espetáculos por quatro décadas, o lugar está fechado há quase sete anos e, depois de muitas promessas de reformas por parte da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) — que é a responsável pelo empreendimento — a falta de recursos fez com que o espaço e todo o seu mobiliário fossem abandonados.

— Vou procurar unir todos os esforços para conseguirmos reabrir esse espaço que foi, por anos, uma das casas de shows mais importantes da cidade. Hoje, ela está sob a responsabilidade da UFRJ. Mas, por algum motivo, até o momento, depois de quase sete anos fechada, ainda não foi revitalizada. Sempre passei em frente ao Canecão e me sentia muito triste de ver a degradação desta casa que já abrigou shows de grandes artistas dos cenários nacional e internacional — disse Sérgio Sá Leitão.

Ainda de acordo com o ministro, nas próximas semanas, ele vai se reunir com o reitor da UFRJ, Roberto Leher, para traçar um plano de reabertura do Canecão.
— Ainda precisamos definir qual será o modelo de administração que deverá ser utilizado na casa de shows, mas o que não podemos deixar é que ela fique fechada. Isso tudo será discutido com o ministro Mendonça Filho (Educação). Tenho certeza de que ele terá boa vontade em nos ajudar a fazer com que o Canecão volte a brilhar — afirmou o ministro.

Sá Leitão chegou a criar uma página no Facebook intitulada “Volta, Canecão”. O espaço virtual teve a última postagem no dia 15 de maio.

Em uma das postagens da página, ele comemorava que o movimento pela reabertura do espaço já havia conquistado dois mil seguidores. Sá Leitão reafirmava a defesa da causa : “É preciso ampliar ainda mais, para que a UFRJ tome as providências necessárias. Concessão, parceria, privatização... Não importa. A questão central é reformar e reabrir o Canecão, um espaço fundamental para a cena cultural carioca”.

Inaugurada, em 1967, pelo empresário Mario Priolli, a casa funcionou até o dia 15 de outubro de 2010, mas fechou as portas depois de uma grande briga judicial com a UFRJ.

No ano passado, em entrevista ao GLOBO, o reitor da universidade garantiu que o espaço seria reaberto por meio de uma parceria público-privada. Roberto Leher chegou a dizer que pediria, através de incentivos fiscais, a participação de empresários comprometidos com a cultura do estado interessados em investir no local.

Na ocasião, Leher disse que profissionais da Escola de Belas Artes e arquitetos da UFRJ trabalhavam em um novo projeto para o Canecão. A proposta era criar um prédio multiúso, com mobiliário e palcos móveis, que permitissem a realização de diferentes tipos de eventos.

A reportagem procurou o reitor da UFRJ para comentar as declarações do ministro, mas a assessoria da universidade informou que ele está de férias e que não poderia responder.


Os esquerdistas acabaram com o Canecão e ainda fizeram questão de pichar o lugar com mensagens políticas.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 29 Jul 2017, 07:08 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
ANCELMO GOIS - O GLOBO

Marcelo Crivella marcou, para semana que vem, reunião com o reitor da UFRJ, Roberto Leher.

Quer negociar a reabertura do Canecão, fechado há sete anos.

Se firmar o acordo, a prefeitura, em parceria com o MinC, promete reconstruir o espaço.

Coisa de uns R$ 20 milhões.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 03 Ago 2017, 16:36 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

Ricardo Amaral vai apresentar proposta à UFRJ para reabrir e administrar o Canecão.

Ele esteve reunido dias atrás com o prefeito e o ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, que já demonstrou interesse na reabertura do espaço.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 10 Ago 2017, 06:14 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
Imagem

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 11 Ago 2017, 09:11 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

O Rio de Janeiro vai ganhar mais um teatro — ou melhor, vai reaver uma sala, agora tinindo de nova.

Fechado há mais de um ano para reforma, o Teatro Maria Clara Machado, no Planetário, reabre ao público no dia 23 de agosto.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 26 Ago 2017, 06:47 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

O conselho administrativo da UFRJ deve analisar até o fim deste ano uma proposta de incorporação imobiliária do terreno em Botafogo onde está localizado o Canecão, fechado desde 2010 : a ideia apresentada por uma consultoria contratada pela universidade é permitir a construção de um prédio comercial no local, tendo como contrapartida a reforma da casa de espetáculos e a abertura de um centro cultural voltado para os alunos.

Ainda de acordo com o projeto, a gestão do espaço seria entregue à iniciativa privada.

Segundo a UFRJ, o modelo de viabilidade econômica e jurídica da proposta ainda não está concluído. Algumas contrapartidas, no entanto, foram estabelecidas. Se o edifício comercial sair do papel, o aluguel ou a venda de suas salas garantiriam receita para a universidade. Na quinta-feira, o ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, e o reitor Roberto Leher se reuniram para discutir o assunto. Sá Leitão saiu otimista do encontro.
—Fiquei feliz de constatar que há essa possibilidade (de a UFRJ fazer uma parceria com a iniciativa privada). Isso representa um grande avanço. Vejo como uma saída extremamente viável, um caminho realista, onde todos os lados sairão ganhando : o Rio, os empresários e a universidade. Uma incorporação imobiliária com a construção de salas comerciais garantiria a volta do Canecão e uma receita significativa.

Com o avanço dos estudos e o interesse da própria UFRJ, o ministro faz uma previsão para a reabertura da casa de shows.
— Acredito que, dentro de dois ou três anos, o Canecão voltará a funcionar, com melhores instalações — disse Sá Leitão, que irá disponibilizar R$ 200 mil do Ministério da Cultura para a restauração do painel “A última ceia”, pintado por Ziraldo em 1967 em uma das paredes da casa.

O setor imobiliário vê com bons olhos a proposta. De acordo com Leonardo Schneider, vice-presidente do sindicato da habitação do Rio (Secovi), o aluguel de uma sala comercial no terreno do Canecão, hoje, sairia a R$ 100 por metro quadrado.
— Quando se fala em criar opções de receitas com andares corporativos num ponto como aquele, ao lado de dois shoppings, com vista privilegiada e perto do Aeroporto Santos Dumont e do Centro, o tema se mostra bastante interessante. E mantendo um tradicional espaço cultural da cidade é ainda melhor — avaliou Schneider.

Desde que assumiu a reitoria da UFRJ, em 2015, Leher promoveu várias audiências sobre o futuro do Canecão com produtores culturais e representantes dos setores artísticos da instituição. Ele disse que o modelo de uso do imóvel precisa garantir a devolução da casa de espetáculos à população carioca e, ao mesmo tempo, contemplar a produção cultural da universidade.
— Queremos reabrir o Canecão, mas não temos como trabalhar um cenário que não envolva a produção da UFRJ — afirmou o reitor, destacando que o Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (Coppead) prepara um estudo sobres os custos operacionais da iniciativa.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 01 Set 2017, 08:05 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
http://g1.globo.com/ap/amapa/noticia/teatro-de-santana-no-ap-tera-obra-retomada-e-deve-ser-concluido-no-fim-de-2018.ghtml

Imagem

Inaugurado apenas com salas administrativas há 5 anos, o Teatro Municipal de Santana deve voltar a receber as obras ainda em 2017 para uma entrega completa do prédio à população.

Para isso, a prefeitura aguarda a liberação de R$ 6 milhões de emenda parlamentar destinados para a intervenção, que tem previsão para ser finalizada no fim de 2018.

Segundo relatório da Secretaria Municipal de Obras de Santana, o prédio sofreu problemas estruturais e teve 90% da instalação elétrica perdida, além da falta de construção de casa de máquinas e grupo gerador.

Um projeto foi feito pela prefeitura elencando as mudanças que precisam ser feitas.

Ainda conforme o levantamento, o dinheiro será usado também para a compra de quadros de carga, que foram furtados; implantação de um novo sistema de esgoto sanitário; e para a troca da cobertura de telha de fibrocimento pela metálica termoacústica.

A prefeitura informou que 50% das janelas precisam ser trocadas ou reparadas e o piso do palco, salão e a arquibancada não têm revestimento, apenas contrapiso. Como não há saídas de emergência suficientes no teatro, elas também devem ser construídas durante a obra.

Com um novo projeto, o prefeito de Santana, Ofirney Sadala, informou que o teatro vai ganhar ainda um cinema com capacidade de 100 pessoas. A proposta, segundo o administrador municipal, é fomentar a cultura e oferecer à população opções de lazer.
“O prédio, hoje, precisa mudar todo o telhado, fazer parte da acústica, o cinema e um novo piso. Com os R$ 6 milhões, será possível fazer tudo isso. Será metade investida nesse ano e o restante em 2018. O teatro é algo muito importante para a população do município”, disse Sadala.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 04 Set 2017, 21:59 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
https://vejasp.abril.com.br/blog/dirceu-alves-jr/ayrton-senna-musical-ator-piloto-hugo-teatro/

Imagem
O paulistano Ayrton Senna (1960-1994), o maior mito da Fórmula 1 brasileira, vai ganhar os palcos.

Batizada de Ayrton Senna - O Musical, a superprodução estreia em novembro no Teatro Riachuelo, no Rio de Janeiro, e promete chegar a São Paulo no primeiro semestre do ano que vem.

E quem venceu a batalha, entre mais de uma centena de candidatos, para o papel de protagonista foi o ator e cantor Hugo Bonemer.

Ele participou dos musicais Hair e Rock In Rio.

Dirigido por Renato Rocha, Ayrton Senna - O Musical tem dramaturgia e canções criadas pela dupla Claudio Lins e Cristiano Gualda, cenários de Gringo Cardia e figurinos de Dudu Bertholini.

O elenco vai reunir ainda outros 24 atores, cantores e bailarinos.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 17 Set 2017, 20:58 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
http://www.atribuna.com.br/noticias/noticias-detalhe/cidades/juiz-cancela-peca-de-teatro-de-atriz-santista-que-tem-jesus-como-transexual/?cHash=fbf6a33c78900029ec0e6fb6d5a1fb89

Uma liminar da Justiça cancelou a apresentação da peça de teatro "O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu", que aconteceria nesta sexta-feira (15), no Sesc de Jundiaí (SP).

O espetáculo retrata o líder da Igreja Católica como uma transexual e tem como protagonista a atriz e travesti santista Renata Carvalho.

Em publicação no Facebook, a organização da peça atribuiu o pedido de cancelamento a "congregações religiosas, políticos e TFP (Tradição, Família e Propriedade)".

O processo foi iniciado pela advogada Virginia Bossonaro Rampin Paiva. Na petição, ela argumenta que a peça ''é atentatória à fé cristã na qual Jesus Cristo não é uma imagem ou um objeto de adoração apenas, mas o verdadeiro filho de Deus que se encarnou no século I, entregou livremente a sua vida em favor de toda a humanidade e que ressuscitou e está vivo em nosso meio''.

No documento, Virgínia diz ainda que o espetáculo ''certamente propõe uma rivalidade entre as pessoas e suas crenças, pois, ao sentirem ofendidas, poderão entrar num embate conhecido e muitas vezes visto e chamado como "guerra santa", o que se pretende evitar''.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 24 Set 2017, 07:05 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
ANCELMO GOIS - O GLOBO

Produtores de teatro do Rio estão considerando seriamente antecipar, em uma hora, o horário dos espetáculos. A maioria das peças, então, passaria para as 19h, possibilitando aos espectadores voltarem para casa umas 21h.

O motivo, infelizmente, passa pela segurança.

Mas é bom lembrar que, mesmo sem tantas guerras diárias como o Rio, NY (Broadway) e Londres têm 19h como o horário padrão para as peças.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Teatro
MensagemEnviado: 28 Set 2017, 14:45 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 63874
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3426 vezes
Foi curtido: 801 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

O Teatro Sesi, na Graça Aranha, não tem mais sessões aos domingos. Elas foram canceladas por causa da violência — o Centro fica um deserto neste dia da semana.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 215 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 11, 12, 13, 14, 15  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: