Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas


Portal Chespirito Chico Rei



Criar novo tópico Responder  [ 518 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 31, 32, 33, 34, 35
  Exibir página para impressão

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 31 Mai 2017, 20:57 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 21 Out 2014, 18:50
Mensagens: 5034
Localização: São Paulo - SP
Curtiu: 346 vezes
Foi curtido: 493 vezes
Programa CH: Chapolin
Fantasias: Não utilizo
Mas o Evaristo e a Annenberg são dois robozinhos. Não que eles deveriam ser mais soltos, até porque o formato do jornal pede esse formalismo. É o mesmo formato do SBT Brasil, mas a Sheherazade quebra um pouco da norma com o beijinho no final. Algo minucioso que faz toda a diferença.

O Evaristo só é mais solto nas redes sociais. Apesar do jornal ser sério, ele não é nada chato.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: 31 Mai 2017, 22:08 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 24 Ago 2016, 03:57
Mensagens: 2839
Localização: Bluffington
Curtiu: 25 vezes
Foi curtido: 201 vezes
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Genoa
Fantasias: Não utilizo
Tufman escreveu:
Mas o Evaristo e a Annenberg são dois robozinhos. Não que eles deveriam ser mais soltos, até porque o formato do jornal pede esse formalismo. É o mesmo formato do SBT Brasil, mas a Sheherazade quebra um pouco da norma com o beijinho no final. Algo minucioso que faz toda a diferença.

O Evaristo só é mais solto nas redes sociais. Apesar do jornal ser sério, ele não é nada chato.

Nem tanto, eles sabem se descontrair as vezes, só que fazem isso na hora certa.
Aliás, todo o jornalismo dá Globo tá mais "soltinho", inclusive o JN( o que é algo muito bom).

_________________
Imagem
"Não costumo ser um homem religioso, mas se tu estás lá em cima, me salva, SUPER HOMEM"


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: 31 Mai 2017, 23:01 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 28 Jun 2013, 18:49
Mensagens: 5672
Localização: Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental - Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Curtiu: 19 vezes
Foi curtido: 485 vezes
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Ed Gein FC
Fantasias: Chiquinha
Cid sabe como descontrair
Imagem

_________________
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: 31 Mai 2017, 23:18 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 24 Ago 2016, 03:57
Mensagens: 2839
Localização: Bluffington
Curtiu: 25 vezes
Foi curtido: 201 vezes
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Genoa
Fantasias: Não utilizo
Paudureci

_________________
Imagem
"Não costumo ser um homem religioso, mas se tu estás lá em cima, me salva, SUPER HOMEM"


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: 01 Jun 2017, 14:51 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 21 Out 2014, 18:50
Mensagens: 5034
Localização: São Paulo - SP
Curtiu: 346 vezes
Foi curtido: 493 vezes
Programa CH: Chapolin
Fantasias: Não utilizo
João Vitor A.K.A The Butcher escreveu:
Nem tanto, eles sabem se descontrair as vezes, só que fazem isso na hora certa.
Aliás, todo o jornalismo dá Globo tá mais "soltinho", inclusive o JN( o que é algo muito bom).


Quando isso acontece? Cite exemplos. Os jornais da casa costumam ser mais quadradinhos.

O último caso que eu me lembre foi esse:



Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: 04 Jun 2017, 00:38 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 61329
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3201 vezes
Foi curtido: 757 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
Imagem

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: 14 Jun 2017, 06:11 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 61329
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3201 vezes
Foi curtido: 757 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/morre-no-rio-o-jornalista-jorge-bastos-moreno-colunista-do-globo.ghtml

Imagem

O jornalista Jorge Bastos Moreno, colunista do Globo, morreu no início da madrugada desta quarta-feira (14), no Rio de Janeiro, aos 63 anos.

Jorge Bastos Moreno morreu à 1h, de edema agudo de pulmão decorrente de complicações cardiovasculares.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Jornalismo • Aqui falamos sobre Jornais e outros assuntos referentes ao Jornalismo
MensagemEnviado: Ontem, 14:44 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 61329
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 3201 vezes
Foi curtido: 757 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Fantasias: Não utilizo
O GLOBO

Editores de alguns dos principais jornais do mundo debatem o futuro do impresso.

Reunidos ontem em Turim, na Itália, no seminário “O futuro dos jornais”, editores de grandes jornais de todo o mundo apontaram que, diante do fim do monopólio na disseminação das notícias, as organizações devem investir nas marcas dos jornais, ativos importantes numa era de avanço de notícias falsas.

O encontro foi promovido pelo jornal italiano “La Stampa” — com a participação do GLOBO.
— A estratégia deve ser melhorar o nível de conteúdo e a credibilidade. Investir no conteúdo nos permite atrair mais assinaturas e mais publicidade, já que se consegue um público de mais alto nível. (O caminho) é investir na exclusividade do conteúdo e na credibilidade — afirmou Louis Dreyfus, diretor executivo do francês “Le Monde”.

Robert Thompson, diretor executivo da NewsCorp, conglomerado de mídia que reúne jornais como “The Wall Street Journal”, “The Times” e “New York Post”, defendeu que a prioridade deve ser o foco em conteúdo original e com substância.
— Nosso trabalho todos os dias deve ser fazer as pessoas voltarem para nos ler — disse Andrew Ross Sorkin, colunista do “The New York Times”. — Precisamos criar o equivalente a um “Game of Thrones” todo dia.

A importância de um conteúdo de qualidade também foi destacada pelo diretor de redação e editor responsável do jornal O GLOBO, Ascânio Seleme :
— A ideia é investir nas pessoas de maior talento, que possam produzir o melhor conteúdo possível e conquistar um público disposto a pagar por conteúdo de qualidade.

Para a produção desse conteúdo de qualidade, o trabalho dos jornalistas é fundamental.

Ele afirmou que o jornalismo é “um negócio de talentos”, cujo maior desafio é “encontrar, proteger e cuidar desses talentos”.

A credibilidade é um ativo importante, apontam editores, mas que exige um trabalho constante, como alertou Jessica Lessin, fundadora e editora do site The Information, especializado em tecnologia :
— Nós construímos nossa credibilidade todos os dias. A cada artigo, podemos reforçar a credibilidade ou acabar com ela muito rapidamente.

A avaliação é que essa credibilidade ajuda a criar a identificação do leitor com a publicação e com sua marca, fundamental para garantir que esteja disposto a pagar pela notícia.

Mark Thompson, diretor executivo do “NYT”, ressaltou que há fome de conteúdo de qualidade, e que é possível avançar na conquista de leitores dispostos a pagar por esse conteúdo. Ele admitiu, no entanto, que talvez não haja espaço para todos :
— A notícia está ligada à relação com uma marca na qual você confia. (...) A pergunta que se deve fazer é quantas fontes de notícias farão parte da vida das pessoas. Provavelmente não será apenas uma, mas devem ser menos do que dez, vinte. Haverá uma corrida para conquistar quem estiver disposto a pagar pelo conteúdo. Nem todos vão ganhar.

A importância do jornalismo para a democracia e para a sociedade também foi destacada pelos participantes do seminário. Para Ascânio Seleme, a batalha pelo jornalismo visa a salvar a democracia :
— Imagine o mundo sem jornais ou sem uma imprensa livre. Um mundo de Coreias do Norte e Venezuelas. Ou mesmo dos Estados Unidos sob Trump sem “New York Times”, “Washington Post” ou CNN. Não é uma batalha para salvar a nós mesmos, mas para salvar a democracia — disse ele ao “La Stampa".

Carlo De Benedetti, presidente do Gedi Gruppo Editoriale, um dos maiores de mídia da Itália, transmitiu mensagem semelhante :
— Uma sociedade democrática não pode viver sem jornalismo profissional.

A despeito dos temores sobre o futuro dos jornais impressos, editores ressaltaram a importância deles para as organizações de mídia. Para Thompson, do “NYT”, o jornalismo impresso é “muito maior que o digital no momento” e vai sobreviver por um bom tempo, “talvez para sempre”.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 518 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 31, 32, 33, 34, 35

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: