Livros

Espaço para debates sobre assuntos que não sejam relacionados a Chespirito, como cinema, política, atualidades, música, cotidiano, games, tecnologias, etc.
Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 02 Fev 2021, 10:00

NOTÍCIAS
https://cultura.estadao.com.br/blogs/ba ... l-em-2020/

O livro mais vendido no Brasil em 2020 foi "Do Mil ao Milhão, Sem Cortar o Cafezinho". Com esse título publicado em novembro de 2018 e que fechou 2019 na terceira posição do ranking, Thiago Nigro, criador do canal Primo Rico, desbancou Mark Manson , de "A Sutil Arte de Ligar o F*da-se", do americano, ficou no topo durante dois anos consecutivos - e confirmou o bom desempenho durante os primeiros meses da quarentena.

O levantamento exclusivo foi feito pela Nielsen a pedido do Estadão e, segundo a editora da obra, foram comercializados cerca de 350 mil exemplares no ano passado.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 11 Fev 2021, 05:23

NOTÍCIAS
https://oglobo.globo.com/rio/bairros/li ... r-24869595

Imagem

No desejo de serem “felizes para sempre”, por poderem ter acesso ao mundo mágico da literatura infantil do jeitinho especial que só a Malasartes oferece, frequentadores resolveram arregaçar as mangas : sabendo da crise que a livraria, aberta há 42 anos no Shopping da Gávea, enfrenta, devido a uma queda de 70% das vendas na pandemia, eles vêm compartilhando em suas redes sociais o Instagram do estabelecimento (@livraria_malasartes).

Recém-criado por Alice Amorim, filha de uma das sócias, Claudia Amorim, o perfil já conta com mais de 3.400 seguidores. A loja também passou a aceitar pedidos pelo WhatsApp (99916-9846). A taxa de entrega é sob consulta.

— A adesão das pessoas foi surpreendente. Com a iniciativa, houve uma boa retomada na procura pelos livros. Ficamos fechados de março a julho, e as contas continuaram chegando, foi muito difícil sobreviver. Mas, agora, estou animada — afirma Claudia Amorim.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 22 Fev 2021, 19:02

NOTÍCIAS
https://blogs.oglobo.globo.com/ancelmo/ ... tores.html

Na terça-feira, a Editora Rocco lança o podcast “Estúdio R” nas principais plataformas de áudio.

O programa receberá autores de livros de não-ficção e editores, caso do primeiro convidado, o antropólogo Roberto Da Matta.

O tema do bate-papo será a obra "Você sabe com quem está falando?", escrita por Roberto Da Matta, que fala sobre a cultura brasileira do autoritarismo.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 25 Fev 2021, 03:04

NOTÍCIAS
https://blogs.oglobo.globo.com/lauro-ja ... rasil.html

A Companhia das Letras irá relançar seis álbuns em quadrinhos de Tintim, em comemoração dos 92 anos de lançamento do primeiro livro do personagem, "Tintim no país dos sovietes", que ainda está em catálogo.

Serão republicados os seguintes títulos : 'Tintim e os pícaros', 'Voo 714 para Sydney', 'O templo do sol', 'A estrela misteriosa', 'A ilha negra' e 'O ídolo roubado'.

A editora também vai lançar em capa dura, o álbum ‘Tintim na lua’, que é junção das histórias ‘Rumo à Lua’ e ‘Explorando a Lua’.

A previsão é que os livros estejam disponíveis em abril de 2021.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 09 Mar 2021, 08:48

NOTÍCIAS
https://whiplash.net/materias/news_733/ ... oween.html

A banda alemã Helloween lançará um novo livro no próximo dia 25 de março de 2021, no Japão.

O lançamento exclusivo no Japão será uma enciclopédia revisitando os mais de 35 anos de carreira do grupo.

O título será "Seven Keys United Memorial".
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 20 Mar 2021, 05:16

NOTÍCIAS
https://www1.folha.uol.com.br/ilustrada ... loco.shtml

Uma carta recente da Amazon pedindo a editoras descontos maiores na venda de seus livros para a empresa vem deixando tenso o mercado editorial, que está reagindo em bloco para barrar a proposta.

A Amazon sugeriu a editoras que ofereçam descontos entre 55% e 58% sobre o preço de capa de seus livros, mais uma taxa adicional de 5% para o “plano de marketing”, ou seja, a publicidade dentro do site da Amazon, a exemplo do banner de um livro.

A praxe dos fornecedores hoje é vender para a Amazon com descontos que variam entre 45% e 55% do preço de capa do livro, mais 2% ou 3% do plano de marketing, por vezes não paga por editoras menores.

Na prática, o desconto maior almejado tiraria parte importante dos lucros das editoras, que tradicionalmente trabalham com uma margem pequena, chegando a 4% ou 5% para editoras menores.

Além disso, as casas estão cada vez mais dependentes do comércio eletrônico, não só devido à pandemia, mas também pela deterioração do mercado livreiro nos últimos anos, com o longo processo de recuperação judicial da Cultura e da Saraiva, que já fecharam dezenas de lojas no Brasil todo.

O setor livreiro está se posicionando em massa. O grupo Juntos pelo Livro elaborou uma carta na qual diz ser inviável conceder descontos maiores, pois “as condições solicitadas estão muito além das nossas possibilidades”.

Cada editora está enviando individualmente o documento como resposta à Amazon.

A carta do Juntos pelo Livro também reconhece a importância da varejista como parceira comercial, afirmando que ela promove “significativo crescimento nos negócios de todas as editoras”.

"Ninguém quer estabelecer uma guerra contra a Amazon, que é um dos ‘players’ mais relevantes do mercado livreiro”, diz Henrique Farinha, porta-voz do Juntos pelo Livro. Segundo o editor, a ideia do grupo é que as condições de descontos com a Amazon se mantenham como estão.

As novas propostas de descontos e taxas, porém, parecem ter chegado apenas para as médias e pequenas. Grandes editoras procuradas pela reportagem dizem não ter recebido, por enquanto, pedidos de renegociação das cláusulas dos acordos com a Amazon.

A Amazon se aproveita da grande capacidade que tem de gestão e distribuição e do fato de as grandes livrarias do Brasil estarem fazendo água. Em seu email, a varejista justifica o pedido afirmando que inaugurou quatro novos centros de distribuição no país —o que permitiria a entrega em até dois dias em 600 cidades. As editoras rebatem que tiveram aumento de custos com logística por precisarem remeter os livros para endereços diferentes.

Em nota, a Amazon afirma que não comenta acordos específicos com seus parceiros comerciais. Também diz acreditar que “autores, editores e livreiros trabalham juntos para conectar os leitores aos livros”.

Há uma outra questão. Caso as editoras concedam descontos maiores para a varejista, é provável que as distribuidoras de livros e as livrarias também passem a exigir os preços menores, impactando todo o mercado.

Embora esse tipo de pressão da Amazon seja inédita no Brasil, não é de hoje que uma das empresas mais poderosas do mundo briga com as editoras.

Em 2015, a Harper Collins dos Estados Unidos ameaçou retirar todos os seus livros do site da varejista durante a negociação de um novo contrato entre as partes.

No ano anterior, o grupo editorial francês Hachette venceu uma batalha de meses contra a Amazon, retendo a possibilidade de determinar o preço de seus ebooks.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 05 Abr 2021, 13:23

NOTÍCIAS
https://blogs.oglobo.globo.com/lauro-ja ... iccao.html

A venda de livros de ficção no Brasil cresceu 41% em janeiro e fevereiro deste ano na comparação com o mesmo período de 2020, quando a pandemia ainda não havia se instalado no planeta.

O dado é de uma pesquisa inédita do Snel/Nielsen.

Foram 2,1 milhões de exemplares do gênero vendidos no período, com um faturamento de R$ 77 milhões.

Nos mesmos meses do ano passado, as obras ficcionais renderam R$ 57 milhões com 1,49 milhão de unidades comercializadas.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 91411
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5598 vezes
Curtiram: 2052 vezes

Livros

Mensagem por E.R » 15 Abr 2021, 07:03

NOTÍCIAS
https://www1.folha.uol.com.br/ilustrada ... -ano.shtml

A Rocco anunciou para 12 de outubro o lançamento de um novo livro infantil de J.K. Rowling, autora da saga "Harry Potter".

"The Christmas Pig", ainda sem nome em português, sairá simultaneamente no Brasil, no Reino Unido e nos Estados Unidos, com mais de 20 traduções ao redor do mundo.

Primeiro romance da autora voltado ao público infantil desde a série de Hogwarts, a obra conta a história de um porquinho de brinquedo que ganha vida na véspera de Natal e ajuda seu dono, o menino Jack, a encontrar seu brinquedo favorito, que havia desaparecido.
Imagem
Imagem

Responder