Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas


Portal Chespirito



Criar novo tópico Responder  [ 1964 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 124, 125, 126, 127, 128, 129, 130, 131  Próximo
  Exibir página para impressão

Se o plebiscito fosse hoje, em qual forma de governo você votaria?
Monarquia Parlamentarista 20%  20%  [ 8 ]
Monarquia Absolutista 10%  10%  [ 4 ]
República Presidencialista 50%  50%  [ 20 ]
República Parlamentarista 13%  13%  [ 5 ]
República Semipresidencialista 8%  8%  [ 3 ]
Total de votos : 40

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 15 Nov 2017, 08:11 
Offline
Membro

Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Mensagens: 2871
Curtiu: 11 vezes
Foi curtido: 159 vezes
Programa CH: Chaves
Bom dia a todos e feliz Dia do Golpe!



Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 15 Nov 2017, 09:33 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 29 Dez 2015, 14:02
Mensagens: 7115
Localização: Dourados-MS
Curtiu: 887 vezes
Foi curtido: 513 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Santos
Viva o feriado!

_________________
JF CHmaníaco
Usuário do Fórum Chaves desde 29 de Dezembro de 2015
Campeão do De Que Episódio é Essa Foto? - Edição 2016
Usuário do Mês de Outubro/2016


IgorBorgesCH escreveu:
Engraçado esse pessoal... ficam ansiosos, alegres, sonhando com o impossível e quando a realidade vem à tona, ficam todos tristes, como se tivesse acontecido a pior coisa do mundo.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 20 Nov 2017, 21:26 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Mensagens: 25883
Curtiu: 2171 vezes
Foi curtido: 1393 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
"Vote no Rei"
POR CARLOS RAMOS 17/11/2017

Nesta semana de feriado que celebra a Proclamação da República no Brasil acabei me lembrando de quando o povo brasileiro foi consultado sobre se deveríamos continuar com a forma republicana de governo ou voltarmos à monarquia.

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu a república como forma de governo e o presidencialismo como sistema de governo. Porém, na fase final do processo constituinte os parlamentares incluíram no artigo 2º do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, ou seja, na parte complementar ao novo texto constitucional, a previsão da realização de um plebiscito no qual os eleitores deveriam definir “a forma (república ou monarquia constitucional) e o sistema de governo (parlamentarismo ou presidencialismo)” que deveria vigorar no País. Um plesbicito é uma consulta popular sobre uma questão geral e, neste caso, depois de alguns ajustes por leis regulamentares, ele ocorreu no dia 21 de abril de 1993.

Curioso que algo tão sério geralmente acontece em momentos críticos, mas, neste caso, embora tenha acontecido pouco tempo depois do processo de impeachment do ex-presidente da República, Fernando Collor de Mello, em 1992, a consulta popular não tinha nada a ver com a conjuntura política da época. Não havia uma demanda da sociedade e o tema nem aparecia na pauta política da época. Seja como for, o fato é que o plebiscito aconteceu como previsto e teve até uma intensa campanha eleitoral na televisão.

De um lado, um grupo mostrava exemplos de países monarquistas ressaltando o desenvolvimento e os benefícios dessa forma de governo. Com o slogan “Vote no Rei”, defendiam a restauração da monarquia e, consequentemente, o retorno ao poder da família Orleans e Bragança, legítimos descendentes de D. Pedro. Interessante é que se isso acontecesse, teríamos um problema para definir quem seria o rei, pois existiam dois ramos da família, o de Petrópolis e o de Vassouras, que reivindicavam a legitimidade. Era um verdadeiro racha que, segundo consta, prevalece até hoje.

De outro, o grupo republicano também utilizava a estratégia de mostrar as qualidades e o desenvolvimento dos países que seguiam com a forma republicana, enfatizando que o caminho do sucesso não era mudar a forma, mas aprimorar a república brasileira. Este grupo majoritário se dividia em relação aos sistemas de governo, quer dizer, em relação a manter o presidencialismo ou mudar para o parlamentarismo. A Frente Presidencialista era formada pelos principais partidos da época, como PT, PFL, PMDB e PTB, e tinham como slogan o “Diretas Sempre”, uma clara referência ao movimento das Diretas Já.

No sistema presidencialista o presidente da República é, ao mesmo tempo, o chefe de Estado e de governo, quer dizer, a representação e a administração do País são poderes nas mãos de uma mesma pessoa.

Já a Frente Parlamentarista era liderada pelo PSDB com o slogan “Parlamentarismo Já, você só tem a ganhar”, taxando o presidencialismo de sistema corrompido, pouco transparente e que não tinha mais condições de permanecer. O sistema parlamentarista prevê uma divisão dos poderes, sendo que o presidente da República exerce a chefia de Estado e o primeiro-ministro, escolhido entre os parlamentares, fica responsável pela chefia do governo, ou seja, é quem administra de fato o país.

O Brasil tinha na época pouco mais de 67 milhões de eleitores e, com abstenção em torno de 25%, o povo brasileiro foi decidir seu futuro nas urnas. A primeira pergunta da cédula era sobre a forma de governo. Sem surpresa, descontando votos brancos e nulos, o resultado foi 44,2 milhões de votos para a república e 6,8 milhões para a monarquia. Em relação à segunda pergunta, sobre o sistema de governo, o resultado também não surpreendeu. Neste caso, sem contar os brancos e nulos, foram 37 milhões de eleitores escolhendo o presidencialismo enquanto 16,5 milhões optavam pelo parlamentarismo. E, assim, confirmamos a situação inicial estabelecida no texto constitucional de ser uma república presidencialista. Tem coisas que só acontecem no Brasil!

Carlos Ramos é consultor, doutor em ciência política pela Ufscar, professor nas Faculdades Integradas de Jaú e secretário de Desenvolvimento e Trabalho de Jaú.
COMÉRCIO DO JAHU


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 27 Nov 2017, 08:26 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 68778
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4132 vezes
Foi curtido: 975 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://extra.globo.com/noticias/mundo/palacio-de-kensington-anuncia-que-principe-harry-meghan-markle-estao-noivos-22117323.html

O Palácio de Kensington confirmou nesta segunda-feira que o príncipe Harry ficou noivo da atriz Meghan Markle.

Os dois subirão ao altar na primavera de 2018 (outono no Brasil).

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 01 Dez 2017, 17:47 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 68778
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4132 vezes
Foi curtido: 975 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
. Com 83 anos , Imperador do Japão vai abdicar do trono em 2019 - https://g1.globo.com/mundo/noticia/imperador-japones-abdicara-em-30-de-abril-de-2019.ghtml

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 05 Dez 2017, 23:59 
Offline
Membro

Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Mensagens: 2871
Curtiu: 11 vezes
Foi curtido: 159 vezes
Programa CH: Chaves
Morre aos 96 anos o rei Miguel I da Romênia
O antigo rei Miguel I da Romênia, um dos últimos sobreviventes -entre os chefes de Estado- da Segunda Guerra Mundial, morreu nesta terça-feira (5/12) aos 96 anos na Suíça, país onde residia, anunciou a sua família.

Miguel I, que tinha câncer, se retirou em março de 2016 da vida pública e entregou os seus deveres a sua filha mais velha, Margarida, de 68 anos.

Nascido em 25 de outubro de 1921 em Sinaia (120 quilômetros ao norte de Bucareste), reinou em dois períodos: de 1927 a 1930 e de 1940 a 1947.

Em agosto de 1944, quando a Romênia estava ao lado da Alemanha nazista, prendeu o marechal Ion Antonescu, que havia instaurado a ditadura, e colocou o país junto aos Aliados.

Três anos depois, foi obrigado a abdicar e a se exilar devido ao novo regime comunista.

Refugiado no Reino Unido e depois na Suíça, o ex-monarca esperou durante muito tempo para poder voltar a reinar. Com a queda de Nicolae Ceausescu no fim de 1989, Miguel I tentou em várias ocasiões voltar ao seu país natal, mas obteve uma resposta negativa do novo presidente, Ion Iliescu, ligado aos comunistas.

Em 2002, com os social-democratas no poder, instalou-se em Bucareste, onde levou uma vida discreta. Mas em 2016 voltou à Suíça para tratar seu câncer.

Descendente da dinastia dos Hohenzoller-Sigmarignen, e tataraneto da rainha Victoria da Inglaterra, casou-se com Anne de Bourbon-Parma, falecida em agosto de 2016. O casal teve cinco filhas.

Fonte: Correio Braziliense

http://www.correiobraziliense.com.br/ap ... enia.shtml


Monarquia: 128 anos depois, seria uma boa ideia promover a restauração?
15 de novembro de 1889. Um movimento que começou com a intenção de depor o gabinete do Visconde de Ouro Preto, último Presidente do Conselho de Ministros no Segundo Reinado brasileiro, depôs o imperador D. Pedro II, enviou a Família Imperial para o exílio e estabeleceu a Primeira República.

Para alguns, naquele momento, embora através de um movimento conduzido por figuras da elite nacional, sem participação popular, o Brasil dava um passo modernizante, superando vinculações com um passado obscurantista. Para outros tantos, uma quartelada colocava fim a um dos regimes mais saudáveis da América Latina, arrancando do Brasil sua vinculação com o projeto de seus pais fundadores e substituindo-o por uma acefalia caótica que resultou em golpes de Estado e pelo menos seis constituições.

Quem tem razão? O Boletim consultou algumas figuras de relevo do ecossistema pró-liberdade para produzir uma pequena amostra das opiniões sobre a seguinte questão: você seria contrário ou favorável a uma restauração da monarquia brasileira em 2017? Confira o resultado:

João Dionísio Amoedo, fundador do Partido Novo

“Contrário. Acredito que o nosso problema é o modelo de Estado e não a forma de governo.”

Cibele Bastos, diretora de projetos do Instituto Liberal do Nordeste

“Favorável. Pragmaticamente e contextualizando, sim, a monarquia deve voltar. Tem menos impostos, menos custos e ainda deve ser levado em consideração o senso de dever. Você nasce e é criado orientado a servir. É melhor que essa democracia que a gente tem.”

Roberto Rachewsky, empresário, ex-presidente do Instituto de Estudos Empresariais

“Contrário. Ainda acredito que uma república constitucional é melhor do que uma monarquia parlamentarista. Na realidade, não é isso que garante instituições favoráveis à defesa dos direitos individuais ou o fim dos privilégios.”

Paulo Eduardo Martins, jornalista e político

“Favorável. Não há o que comemorar. O 15 de novembro de 1889 foi o dia em que o Brasil que poderia dar certo começou a morrer. O golpe que derrubou a monarquia foi obra de meia dúzia de positivistas. A República deu ao Brasil a direção e a estabilidade de uma biruta de aeroporto, tanto que em 124 anos o país assistiu a um festival de golpes, revoluções, ditaduras.”

Kim Kataguiri, coordenador do Movimento Brasil Livre

“Contrário. Acho que o sistema político depende da cultura, da tradição da sociedade. A população brasileira não tem, em seu imaginário, a figura de um monarca, como acontece na Inglaterra e no Japão, por exemplo.”

Rodrigo Mezzomo, advogado, militante pela causa das candidaturas independentes

“Favorável. O golpe republicano nos furtou a alma nacional, ou seja, nosso amálgama, aquilo que nos unia. A régua moral da nação foi fraturada de modo irreversível e até hoje nos ressentimos disso. Nos perdemos como povo, pois nossa identidade foi arrancada. A República é lamentável, uma verdadeira tragédia.”

Fabio Ostermann, presidente do PSL/Livres no Rio Grande do Sul

“Contrário. Considero-a uma ideia deslocada do nosso tempo e realidade.”

Francisco Razzo, professor de Filosofia, autor de Imaginação Totalitária

“Favorável. No entanto, tenho uma relação um pouco ‘utópica’ com a Monarquia. Considero um regime político admirável, capaz de preservar equilíbrio entre as coisas permanentes de uma cultura e o que é transitório na política. Aceito intelectual e espiritualmente como ideia, porém tenho dúvidas quanto à efetividade aqui no Brasil. De qualquer maneira, sou muito simpático à causa e aceitaria de bom grado.”

Adolfo Sachsida, economista, colunista do Instituto Liberal, pesquisador do IPEA

“Contrário. Pelo melhor de meu conhecimento, a monarquia trouxe consideráveis avanços a nossa sociedade. Contudo, o tempo passou. Não vejo como a restauração da monarquia poderia nos auxiliar a resolver nossos problemas atuais. Evidentemente respeito quem pensa diferente e vê no retorno à monarquia uma solução de estabilidade que foi perdida por nosso sistema republicano.”

(...)

Fonte: Boletim da Liberdade

https://www.boletimdaliberdade.com.br/2 ... stauracao/


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 07 Dez 2017, 05:26 
Offline
Avatar do usuário
Moderador

Registrado em: 07 Mai 2010, 19:59
Mensagens: 17830
Localização: The Twilight Zone
Curtiu: 503 vezes
Foi curtido: 2394 vezes
Programa CH: La Chicharra
"Kim Kataguiri"

Óbvio que o afilhado do Eduardo Cunha, nosso querido Príncipe Suíço, ia apoiar a monarquia hueauheauhehauheauheauheauhea

_________________

[21/05/2018] Chaves e Chapolin (Multishow)
[??/06/2018] Sonic Mania Plus
[10/07/2018] Crash Bandicoot N.Sane Trilogy (PC Version)
[03/08/2018] Boku no Hero Academia The Movie: Futari no Hero
[??/10/2018] Doctor Who (Series 11)
[16/11/2018] Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald
[14/12/2018] Dragon Ball Super Movie
[??/??/2018] Code Geass R3: Fukkatsu no Lelouch
[??/??/????] Love Live! Sunshine!! The Movie


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 07 Dez 2017, 08:30 
Offline
Membro

Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Mensagens: 2871
Curtiu: 11 vezes
Foi curtido: 159 vezes
Programa CH: Chaves
Rebecca R. Snowcraft escreveu:
"Kim Kataguiri"

Óbvio que o afilhado do Eduardo Cunha, nosso querido Príncipe Suíço, ia apoiar a monarquia hueauheauhehauheauheauheauhea

Fora também que o Kim era âncora do Ficha Social, o vlog político disfarçado de jornal que dava um show de desinformação para o povo brasileiro.



Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 07 Dez 2017, 20:46 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 21 Out 2014, 18:50
Mensagens: 6039
Localização: São Paulo - SP
Curtiu: 360 vezes
Foi curtido: 628 vezes
Programa CH: Chapolin
Mas o Kim não apoiou a monarquia :estrelas:

E o que ele falou sobre ela faz todo sentido, segundo a matéria.

_________________
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 08 Dez 2017, 11:00 
Offline
Avatar do usuário
Moderador

Registrado em: 07 Mai 2010, 19:59
Mensagens: 17830
Localização: The Twilight Zone
Curtiu: 503 vezes
Foi curtido: 2394 vezes
Programa CH: La Chicharra
Pra ce ver o quão atencioso eu sou com os textos postados aqui

_________________

[21/05/2018] Chaves e Chapolin (Multishow)
[??/06/2018] Sonic Mania Plus
[10/07/2018] Crash Bandicoot N.Sane Trilogy (PC Version)
[03/08/2018] Boku no Hero Academia The Movie: Futari no Hero
[??/10/2018] Doctor Who (Series 11)
[16/11/2018] Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald
[14/12/2018] Dragon Ball Super Movie
[??/??/2018] Code Geass R3: Fukkatsu no Lelouch
[??/??/????] Love Live! Sunshine!! The Movie


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 10 Dez 2017, 05:04 
Offline
Membro

Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Mensagens: 2871
Curtiu: 11 vezes
Foi curtido: 159 vezes
Programa CH: Chaves
Respondendo...

“Contrário. Acredito que o nosso problema é o modelo de Estado e não a forma de governo.”
Temos sim problemas com modelo de estado, que podem ser resolvidos com algumas reformas pequenas; mas o problema principal é exatamente na forma de governo! É o fato de uma só pessoa (presidente) ser Chefe de Governo e Chefe de Estado o berço dos problemas! "Ah, mas então, o chefe de Estado poderia ser um presidente, sem pertencer a uma família real, de sangue azul?" E quem é que garante que o presidente vai exercer os poucos poderes que tem tendo interesses partidários? A monarquia não faria isso. O fato de ter uma família real, que não pertence a nenhum partido político, garante que haja um árbitro neutro entre os partidos políticos e o parlamento. É isso que faz da monarquia ter estabilidade: uma família real que não age por interesses políticos. O rei que for indicar os ministros para compôr o gabinete (em alguns países, como a Nova Zelândia ou a Dinamarca, o Rei/Rainha/Governador-geral tem essa prerrogativa de criar ministérios e escolher ministros) não irá nomear um ministro por interesses partidários. Ele não daria grana para apoiar tal político nas eleições e em troca, dar um ministério de mão beijada. Resultado: uma política e instituições fortes. Essa é uma das vantagens da monarquia parlamentarista.

“Contrário. Ainda acredito que uma república constitucional é melhor do que uma monarquia parlamentarista. Na realidade, não é isso que garante instituições favoráveis à defesa dos direitos individuais ou o fim dos privilégios.”
As pessoas precisam parar de pensar com essa espécie de positivismo automático, como se a república presidencialista fosse intrinsecamente excelente. Sobram exemplos de Monarquias Parlamentaristas bem sucedidas, enquanto a maior parte das repúblicas presidencialistas, salvo raras exceções, coleciona golpes e crises. Olhem para o nosso passado de república: vários golpes de estado, vários estados de sítio, muita violência, muita repressão, seis constituições, uma crise econômica e política atrás da outra. A cada 20 anos, se tem uma crise, e para se derrubar até um presidente da Câmara, demorou 9 meses... Numa monarquia como a Nova Zelândia, ou o Japão, ou a Holanda, leva 1 semana para fazer a mesma coisa.

“Contrário. Acho que o sistema político depende da cultura, da tradição da sociedade. A população brasileira não tem, em seu imaginário, a figura de um monarca, como acontece na Inglaterra e no Japão, por exemplo.”
Será? Nossa história do descobrimento até 1889 é de monarquia, não república. Sofremos uma lavagem cerebral atroz para ridicularizar o passado e demonizar as figuras importantes, como Dom Pedro I e II, ou a Princesa Isabel, ou a Imperatriz Leopoldina, ou José Bonifácio, ou Carlota Joaquina, ou o Barão de Mauá... Outros países restauraram monarquias e vivem muito bem, salvo pequenas crises rapidamente resolvidas (como aconteceu na Espanha ou no Lesoto). O que torna o Parlamentarismo Monárquico bom é a tecnologia política do modelo, a divisão de Governo e Estado (esse na figura do rei, com suas características e isenções para servir ao povo). Isso vai muito além de estética do modelo. Obviamente, estamos mais distantes desse imaginário, afinal, são 128 anos, mas é um passado de 389 anos da nossa história. Nós temos essa história. O Brasil não é republicano. Fala-se muito no princípio republicano, mas a nossa mania de majestade não acabou. Eu pergunto a você, você já viu o Pelé ser chamado de presidente do futebol, o Roberto Carlos ser chamado de presidente da MPB ou a Xuxa de presidenta presidente dos baixinhos? A nossa mania de majestade não acabou.

“Contrário. Considero-a uma ideia deslocada do nosso tempo e realidade.”
Descolada do tempo e da realidade? Então me explica porque dos 10 países mais democráticos do mundo, 7 são monarquias parlamentaristas e apenas 3 são repúblicas? A Espanha restaurou a monarquia sendo república, em 1975 ,e passou de um país pobre e autoritário da Europa (no mesmo patamar do vizinho Portugal, na mesma época) para uma das maiores economias. A Holanda passou 200 anos sendo república, voltou a ser monarquia em 1815, e depois não quis saber de voltar à república, está aí muito bem.

“Contrário. Pelo melhor de meu conhecimento, a monarquia trouxe consideráveis avanços a nossa sociedade. Contudo, o tempo passou. Não vejo como a restauração da monarquia poderia nos auxiliar a resolver nossos problemas atuais. Evidentemente respeito quem pensa diferente e vê no retorno à monarquia uma solução de estabilidade que foi perdida por nosso sistema republicano.”
O tempo passou, porém a monarquia poderia voltar, assim como voltou na Espanha e no Camboja (que são países que atravessam problemas, mas que tem na monarquia uma reserva moral, uma sentinela vigilante que nasceu junto com o país e que defende o país). Basta o povo querer.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 11 Dez 2017, 19:59 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Mensagens: 25883
Curtiu: 2171 vezes
Foi curtido: 1393 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
A alternativa "semipresidencialista" voltou ao debate hoje, e numa rara ocasião a esquerda e a direita acabaram convergindo nas críticas à proposta:

Notícia: Proposta de regime semipresidencialista trata de ‘censura’
Texto que já circula pelos corredores da Câmara e do Senado prevê ‘moção de desconfiança’ ao Executivo acompanhado de novo governo
http://politica.estadao.com.br/noticias ... 0002115438

Portal Vermelho: Em novo golpe, Temer quer que Brasil seja semipresidencialista
http://www.vermelho.org.br/noticia/305370-1

Villa: Semipresidencialismo é golpe
http://jovempan.uol.com.br/opiniao-jove ... golpe.html


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 11 Dez 2017, 21:44 
Offline
Membro

Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Mensagens: 2871
Curtiu: 11 vezes
Foi curtido: 159 vezes
Programa CH: Chaves
Victor235 escreveu:
A alternativa "semipresidencialista" voltou ao debate hoje, e numa rara ocasião a esquerda e a direita acabaram convergindo nas críticas à proposta:

Notícia: Proposta de regime semipresidencialista trata de ‘censura’
Texto que já circula pelos corredores da Câmara e do Senado prevê ‘moção de desconfiança’ ao Executivo acompanhado de novo governo
http://politica.estadao.com.br/noticias ... 0002115438

Portal Vermelho: Em novo golpe, Temer quer que Brasil seja semipresidencialista
http://www.vermelho.org.br/noticia/305370-1

Villa: Semipresidencialismo é golpe
http://jovempan.uol.com.br/opiniao-jove ... golpe.html

Querem uma dica? Não confie em nenhum projeto vindo do governo para implantar um semipresidencialismo. É uma cilada!


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 11 Dez 2017, 21:51 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 29 Dez 2015, 14:02
Mensagens: 7115
Localização: Dourados-MS
Curtiu: 887 vezes
Foi curtido: 513 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Santos
É uma cilada, Bino! :vamp:

_________________
JF CHmaníaco
Usuário do Fórum Chaves desde 29 de Dezembro de 2015
Campeão do De Que Episódio é Essa Foto? - Edição 2016
Usuário do Mês de Outubro/2016


IgorBorgesCH escreveu:
Engraçado esse pessoal... ficam ansiosos, alegres, sonhando com o impossível e quando a realidade vem à tona, ficam todos tristes, como se tivesse acontecido a pior coisa do mundo.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Monarquia • Debate sobre esse tipo de regime
MensagemEnviado: 15 Dez 2017, 18:34 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 68778
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4132 vezes
Foi curtido: 975 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 1964 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 124, 125, 126, 127, 128, 129, 130, 131  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Luciano Junior e 3 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: