Privatização ou Estatização?

Espaço para debates sobre assuntos que não sejam relacionados a Chespirito, como cinema, política, atualidades, música, cotidiano, games, tecnologias, etc.

Privatização ou Estatização ?

Privatização.
10
33%
Estatização.
6
20%
Um ponto de equilíbrio entre os dois.
14
47%
 
Total de votos: 30

Avatar do usuário
Chapolin Comunista
Membro
Membro
Mensagens: 3444
Registrado em: 03 Fev 2009, 00:22
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Grêmio
Localização: Viamão - RS
Curtiu: 162 vezes
Curtiram: 52 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por Chapolin Comunista » 07 Mar 2020, 03:14

Paraná
Golpistas querem privatizar usina da Copel
O governo Ratinho Júnior (PSD) prepara a liquidação da Copel. A usina hidrelétrica de Foz de Areia está na mira dos golpistas, que querem repassá-la à iniciativa privada

A Companhia Paranaense de Energia (Copel), sob o governo Ratinho Júnior (PSD), formalizou um pedido ao Ministério de Minas e Energia de privatização de sua principal usina, a Governador Bento Munhoz da Rocha Neto, ou Foz da Areia, localizada em Pinhão, região Centro-Sul do Estado do Paraná. O medida foi anunciada na última quinta-feira (05).

O governo Ratinho Júnior segue a política neoliberal do governo Jair Bolsonaro, que consiste em entregar o patrimônio público para a iniciativa privada. As privatizações são um eixo central da política do governo paranaense. A Copel deverá repassar ao menos 51% da operação de Foz de Areia à iniciativa privada até março de 2022, tornando-se acionista minoritária.

O empresário Daniel Slaviero Pimentel foi escolhido por Ratinho para a presidência da Copel. Assim que tomou posse, Daniel já sinalizou que pretende liquidar a empresa, isto é, privatizá-la de uma vez por todas. O indicado é irmão do vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimental (PSDB).

Daniel salientou que vai cortar custos, o que significa no vocabulário neoliberal a venda de usinas e demissão de trabalhadores. Os governos anteriores do Estado do Paraná, dos tucanos e seus aliados, já haviam tentado privatizar a estatal.

A privatização da Copel estava suspensa por decisão judicial. O presidente do Supremo Tribunal de Justiça do Paraná, ministro João Otávio de Noronha, suspendeu a decisão que impedia a privatização e liberou seu andamento. Essa decisão demonstra que há um conluio entre o governo neoliberal de Ratinho e o sistema judiciário estadual para liquidar a estatal do ramo de energia elétrica.

Os golpistas buscam a implementação de um programa de virtual liquidação de todos os ativos, riquezas e do patrimônio nacional.

https://www.causaoperaria.org.br/golpis ... -da-copel/
O Chapolin é um herói latino-americano lutando contra as forças imperialistas (Super Sam, Batman, Superman). Ele sempre foi vermelho.

Chaves é sobre a luta de classes. Burguesia (Seu Barriga, Nhonho), Pequeno-burguesia (Dona Florinda, Girafales, Quico) e Classe Operária (Chaves, Seu Madruga, Chiquinha).E você, de que lado está?


''A direita é a escória.''
RUI COSTA PIMENTA

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 07 Mar 2020, 06:02

https://oglobo.globo.com/opiniao/e-prec ... 1-24291453

Já se viveram outros momentos como este, em que a dificuldade de aceleração no crescimento faz surgir inúmeras propostas para o abandono da responsabilidade fiscal que, depois de aceitas e executadas, o país tem de subir novamente a ladeira para enfrentar a volta da inflação, com elevação dos juros e todos os efeitos colaterais decorrentes — menos crescimento e mais desemprego.

O final do segundo mandato de Lula (2007-2010) e toda a gestão Dilma (2011-2016), quando foi armada esta crise, são exemplos a não serem esquecidos.

Mas é compreensível a frustração, porque apesar das insistentes promessas de que as reformas desatariam as amarras da produção, o primeiro ano do mandato de Jair Bolsonaro, com Paulo Guedes na Economia, chegou ao fim com mais um pífio crescimento de 1% do PIB.

Nessas horas é esquecido que a reforma da Previdência constitui-se algo essencial para evitar a quebra do Estado a curto/médio prazo, recuperando assim a confiança no país, mas faltam correções importantes no campo tributário, na organização do Estado e nas finanças públicas. Sem as quais, a economia não decolará de maneira sustentada como se deseja.

O Planalto tem grande responsabilidade pela lentidão no prosseguimento das reformas. Devido ao não engajamento de Jair Bolsonaro no programa de mudanças.

Mas nem tudo se resume às reformas no Congresso, sempre uma experiência difícil para um governo em que o presidente quer atuar sem base parlamentar, sem Congresso.

Há planos de governo que precisam ser acelerados. A confirmação pelo PIB de 2019 de que os investimentos continuam baixos — e não poderia ser diferente — pressiona o governo para que enfim trate de fato como prioridade privatizações e concessões, forma eficaz de se alavancar o investimento privado, para acelerar a retomada.

Se o secretário de Desestatização, Salim Mattar, precisa de mais apoio para executar seu trabalho, que lhe seja dado.

Trata-se de apressar ações administrativas que movimentem a roda dos investimentos.

No início dos anos 2010, a taxa de investimentos estava em 20% do PIB, cinco pontos percentuais abaixo do ideal.

No momento, encontra-se em 15%. Há muito o que ser feito. Sem mágicas e balas de prata.

Em entrevista ao jornal “O Estado de S.Paulo”, o presidente do Conselho de Administração do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, lembrou que a crise do coronavírus leva os países a afrouxarem ainda mais sua política monetária, inundando a economia global de mais dinheiro.

Aí está grande oportunidade para o Brasil : são bilhões em busca de uma rentabilidade que pode ser encontrada em projetos existentes no Brasil, principalmente na infraestrutura. É o caso clássico da crise que gera oportunidades.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 09 Mar 2020, 22:03

Imagem
Imagem

Avatar do usuário
Chapolin Comunista
Membro
Membro
Mensagens: 3444
Registrado em: 03 Fev 2009, 00:22
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Grêmio
Localização: Viamão - RS
Curtiu: 162 vezes
Curtiram: 52 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por Chapolin Comunista » 10 Mar 2020, 06:44

Falência da privatização
Segundo aeroporto privatizado é devolvido para controle do governo
Capitalistas em crise não conseguem lucrar com o que roubaram e devolvem mais um aeroporto privatizado ao governo federal


O grupo argentino InfraAmerica anunciou que o Aeroporto Internacional Governador de Natal, que fica localizado em São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal, no Rio Grande do Norte, será devolvido ao governo federal de maneira amigável. O anúncio foi feito via comunicado a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Este aeroporto foi o primeiro do país a ser privatizado através do plano nacional de desestatização no governo Dilma, em 2011. O consórcio InfraAmerica pagou míseros 170 milhões por 28 anos de concessão, prazo estabelecido em contrato e começou a administrar o llocal a partIr de 2014 após inauguração.

Com a crise na economia nacional que se reflete através do dado alarmante de que 2 milhões a menos de pessoas circulavam em 2019, número muito abaixo das expectativas, o consórcio argentino que também administra o Aeroporto de Brasília, decide por romper o contrato por 19 anos antes do prazos e culpam à ‘’prolongada crise econômica que impactou o turismo“.

Semelhante ao que fez o consórcio Aeroportos Brasil Viracopos (ABV), responsável pelo Aeroporto Internacional de Viracopos em Campinas (SP), a Inframerica quer se beneficiar do Decreto 9.957/19, assinado pelo Presidente golpista Bolsonaro, que permite a devolução “amigável” de concessões. Ambos colocam a culpa na crise econômica de 2014 a 2016 e na lenta recuperação da economia pós-crise pela diminuição no número de passageiros nos terminais.

Durante estes anos de 2014 a 2018, a Inframerica faturou cerca de 410,29 milhões.

Episódios como esse mostram a debilidade da política de privatização dos golpistas. Não conseguem lidar com crises, sugam o máximo que podem dos recursos nacionais e depois devolvem.

https://www.causaoperaria.org.br/segund ... o-governo/
O Chapolin é um herói latino-americano lutando contra as forças imperialistas (Super Sam, Batman, Superman). Ele sempre foi vermelho.

Chaves é sobre a luta de classes. Burguesia (Seu Barriga, Nhonho), Pequeno-burguesia (Dona Florinda, Girafales, Quico) e Classe Operária (Chaves, Seu Madruga, Chiquinha).E você, de que lado está?


''A direita é a escória.''
RUI COSTA PIMENTA

Avatar do usuário
Bugiga
Moderador
Moderador
Mensagens: 4543
Registrado em: 06 Fev 2009, 23:33
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Inter
Localização: Porto Alegre - RS
Curtiu: 3328 vezes
Curtiram: 1199 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por Bugiga » 10 Mar 2020, 16:54

Grupo argentino. Difícil saber o motivo de terem decidido devolver... :rolleyes:
Puxa! Re-Puxa! Super-Ultra-Puxa!

Avatar do usuário
Chapolin Comunista
Membro
Membro
Mensagens: 3444
Registrado em: 03 Fev 2009, 00:22
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Grêmio
Localização: Viamão - RS
Curtiu: 162 vezes
Curtiram: 52 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por Chapolin Comunista » 10 Mar 2020, 18:12

Esta matéria fui eu que escrevi. O motivo é simples: os capitalistas sugam até o bago e depois devolvem.
O Chapolin é um herói latino-americano lutando contra as forças imperialistas (Super Sam, Batman, Superman). Ele sempre foi vermelho.

Chaves é sobre a luta de classes. Burguesia (Seu Barriga, Nhonho), Pequeno-burguesia (Dona Florinda, Girafales, Quico) e Classe Operária (Chaves, Seu Madruga, Chiquinha).E você, de que lado está?


''A direita é a escória.''
RUI COSTA PIMENTA

Avatar do usuário
Barbano
Administrador
Administrador
Mensagens: 42329
Registrado em: 28 Jan 2009, 13:29
Time de Futebol: São Paulo
Localização: São Carlos (SP)
Curtiu: 1979 vezes
Curtiram: 3948 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por Barbano » 12 Mar 2020, 14:38

Sugam o que? Cara, se o bagulho fosse lucrativo, a última coisa que fariam é devolver a concessão...

Só acho que o governo não pode ser frouxo. Assinou o contrato, que cumpra, ou pague a rescisão. Tem empresa aí devolvendo e ainda querendo processar o Estado pelas perdas... Quem assinou o contrato que assuma o risco, oras.
Esses usuários curtiram o post de Barbano (total: 3):
Bugigagusta dos biscoitosVictor235

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 02 Abr 2020, 17:26

Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Re: Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 05 Abr 2020, 18:14

Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 23 Jun 2020, 23:49

NOTÍCIAS
https://valor.globo.com/politica/notici ... maia.ghtml

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM) falou sobre a Eletrobras.

“Em relação à privatização da Eletrobras, eu sou um pouco mais cético, tem muita resistência no Senado”, comentou.
Imagem
Imagem

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38503
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3086 vezes

Privatização ou Estatização?

Mensagem por Victor235 » 24 Jun 2020, 00:09

Barbano escreveu:
12 Mar 2020, 14:38
Só acho que o governo não pode ser frouxo. Assinou o contrato, que cumpra, ou pague a rescisão. Tem empresa aí devolvendo e ainda querendo processar o Estado pelas perdas... Quem assinou o contrato que assuma o risco, oras.
Pois é, o negócio vai mal e sobra para o Estado pegar de volta o que deu errado? Oras, se foi um contrato, que ambos cumpram sua parte até o fim. Devolver para o Estado só quando uma coisa está deficitária fica fácil demais...
"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 08 Jul 2020, 04:10

NOTÍCIAS
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/m ... -ano.shtml

A privatização da Eletrobras subiu no telhado — pelo menos neste ano.

Segundo o Barômetro Nector/Vector, 70% dos líderes e vice-líderes do Congresso Nacional não estão dispostos a trabalhar pela venda da empresa.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 08 Ago 2020, 00:22

NOTÍCIAS
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 26 Out 2020, 03:13

NOTÍCIAS
https://blogs.oglobo.globo.com/lauro-ja ... amara.html

O ministro da Economia, Paulo Guedes tem dito a interlocutores que a privatização da Eletrobras já está acertada no Senado.

Falta a Câmara. Pode ser. O fato é que há anos essa desestatização rola no Congresso e nada.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 90985
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5579 vezes
Curtiram: 2032 vezes

Privatização ou Estatização?

Mensagem por E.R » 05 Nov 2020, 05:11

NOTÍCIAS
https://oglobo.globo.com/opiniao/rio-pe ... e-24728750

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, presta um desserviço ao estado quando põe em dúvida a concessão da Cedae, cuja modelagem está a cargo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Na semana passada, ele enviou sinais contraditórios a respeito do leilão da estatal, previsto para ocorrer até o fim do ano.

Afirmou que, embora o objetivo seja a desestatização, ela só acontecerá se for benéfica para a população. “O Rio, com pressa, já fez maus negócios simplesmente pela questão financeira. Isso não se repetirá”, disse.

As declarações repercutiram mal no mercado. Assustaram investidores ao transmitir um sinal claro de insegurança jurídica.

A posição dele surpreende porque a concessão da Cedae é uma exigência do Regime de Recuperação Fiscal (RRF) a que o Rio aderiu em 2017.

A Cedae foi dada como garantia do empréstimo de R$ 2,9 bilhões, feito pelo BNP Paribas para pagar salários do funcionalismo.

Se o estado não quitar a dívida, a empresa passará à União.

Ainda que não fosse pelas exigências do socorro financeiro, que há três anos tirou o Rio de uma crise sem precedentes, a concessão da Cedae é uma decisão que se impõe pela conhecida ineficiência da companhia, responsável pelo fornecimento de água e esgoto em 64 dos 92 municípios do estado, entre eles a capital fluminense.

O presidente da Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Água e Esgoto (Abcon), Percy Soares, lembra que “o Rio tem um enorme déficit, principalmente no tratamento de esgoto, que perdura há décadas”.

No ranking do Instituto Trata Brasil, o Rio ocupa o 52ª lugar entre 100 cidades, com 97% de atendimento de água e 85% de coleta de esgoto, dos quais apenas 42% são tratados.

Embora o fornecimento de água esteja quase universalizado, a qualidade não é boa. Às vésperas do verão, a geosmina — que deixa a água com gosto ruim e mau cheiro — ainda preocupa.

Sem recursos, a Cedae simplesmente não tem como suprir tais deficiências.

Ao hesitar sobre a concessão, o governador cede ao lobby das corporações e à Assembleia Legislativa, que tentam barrar o leilão da estatal.

A privatização significará investimentos de R$ 32,5 bilhões para o estado. Permitirá a universalização do fornecimento de água em até 14 anos e da coleta de esgoto entre 15 e 20 anos.
Imagem
Imagem

Responder