Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas


Portal Chespirito



Criar novo tópico Responder  [ 258 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 14, 15, 16, 17, 18  Próximo
  Exibir página para impressão

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 19 Dez 2018, 14:44 
Offline
Avatar do usuário
Usuário do Mês

Registrado em: 23 Abr 2012, 21:18
Mensagens: 9926
Curtiu: 339 vezes
Foi curtido: 683 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Portuguesa
Não, não vai ser dia 6 de fevereiro, vai ser dia 23 de janeiro. Instituíram essa mudança pois a CONMEBOL também forçou essa mexida.

_________________
Imagem


Títulos e posições de destaque:

1º em A Fazenda do Fórum Chaves 4 :campeao:
1º no Foot Betting 2015 :campeao:
1º na eleição de usuário do mês - dezembro/2015 :campeao:
1º na eleição de usuário do mês - setembro/2016 :campeao:
1º no Torneio GUF 19 - Série A :campeao:
1º em A Fazenda do Fórum Chaves Segunda Chance :campeao:
1º na eleição de usuário do mês - junho/2019 :campeao:
2º na eleição de usuário do mês - agosto/2012 :vice:
2º na eleição de usuário do mês - outubro/2013
2º no XIV Concurso de Piadas
2º no Trivia Fórum Chaves 3
2º na A Casa do Chavesmaníacos 14
2º no Foot Betting 2017
3º na eleição de usuário do mês - setembro/2013 :terceiro:
3º no Torneio GUF Série B 14
3º na eleição de usuário do mês - outubro/2015
3º no Torneio GUF Série A 18
3º na eleição de usuário do mês - janeiro/2016
3º na eleição de usuário de 2016
3º na eleição de usuário do mês - novembro/2017
3º na eleição de usuário do mês - março/2019
4º na III A Fazenda do Fórum Chaves Imagem
4º na eleição de usuário do mês - abril/2015
4º na eleição de usuário do mês - novembro/2015
4º no Bolão da Copa América 2019


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 10 Jan 2019, 02:50 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www1.folha.uol.com.br/esporte/2019/01/globo-compra-direitos-e-embarga-publicacao-de-livro-sobre-corrupcao-na-fifa.shtml

:globo:

Lançado nos Estados Unidos em junho de 2018, o livro “Red Card : How the U.S. Blew the Whistle on the World’s Biggest Sports Scandal” (“Cartão Vermelho : Como os Estados Unidos Revelaram o maior Escândalo Esportivo Mundial”), do jornalista Ken Bensinger, relata com detalhes o escândalo de corrupção da Fifa, revelado em 2015.

A exclusividade para a publicação no Brasil foi comprada pela Globo Livros, editora do Grupo Globo, em 2015, quando a obra ainda estava em produção.

O lançamento no país era previsto para maio, antes da Copa do Mundo, mas foi adiado. Há uma versão em português da obra, que é vendida em Portugal desde junho.

“É muito estranho, porque eles compraram, me pagaram, uma pessoa da Globo mostrou a meu agente o manuscrito em português, e era para ser publicado em maio, em junho, em julho, e nunca foi publicado”, afirma Ken Bensinger à Folha.

Dona de direitos de TV de torneios da Fifa, a Globo é citada quatro vezes no livro. Em duas, o grupo aparece quando J.Hawilla é perfilado.

O empresário foi delator na investigação das autoridades americanas. Ele admitiu ter pago propina para dirigentes na compra de direitos de transmissão de torneios da Fifa e da CBF.

Ao contar a história de J.Hawilla, o livro cita que ele trabalhou na Globo, primeiro como repórter e depois como chefe do departamento de Esporte da emissora, nas décadas de 1970 e 1980.

Em outro trecho, Bensinger informa o quanto a Globo pagou à Fifa pelos direitos de TV das Copas do Mundo de 2010 e 2014. Segundo o autor, a emissora desembolsou 340 milhões de euros (aproximadamente R$ 1,4 bilhão).

Na quarta referência à emissora, a obra reproduz o depoimento de Alejandro Buzarco, ex-homem forte da companhia de marketing argentina Torneos y Competencias, na Justiça dos Estados Unidos.

Em novembro de 2017, ele afirmou que a Globo e o grupo mexicano Televisa pagaram propina a um dirigente da Fifa durante negociação para compra de direitos de transmissão da Copa do Mundo.

“Recentemente meu agente ligou para um responsável da Globo Livros, e eles disseram que meu livro menciona a Globo, mas não muito, só um pouco no final. Mas eles disseram que não querem publicar até o caso criminal ser encerrado”, diz Bensiger.

As declarações sobre as supostas propinas pagas pela Globo foram amplamente noticiadas na época. A emissora divulgou uma nota à imprensa em que afirmou “veementemente” que “não pratica nem tolera qualquer pagamento de propina”.

“Após mais de dois anos de investigação [o Grupo Globo] não é parte nos processos que correm na Justiça americana”, disse a empresa em comunicado em novembro de 2017.

A Folha procurou a Globo Livros em 20 de dezembro de 2018 e questionou a editora sobre as declarações de Bensinger e se havia uma previsão de publicação do livro no Brasil.

A assessoria de imprensa informou que divulgaria uma nota sobre o caso — o que não ocorreu até a publicação desta reportagem.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 22 Jan 2019, 03:53 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www.esporteemidia.com/2019/01/globo-abre-mao-de-classicos-do.html

A Federação Paulista de Futebol (FPF) já divulgou o desmembramento das oito primeiras rodadas do Paulistão 2019 e chama atenção o fato de que apenas um clássico está agendado para transmissão da Globo, que, novamente, exibe o certame com exclusividade em TV aberta.

Em vídeo divulgado em seu blog no Yahoo!, o jornalista Eduardo Ohata, diz que a tendência é que menos clássicos estejam na tela da Globo.

"É um movimento do Grupo Globo para valorizar o pay-per-view. Tanto é verdade que o próprio SporTV, neste período de oito rodadas, não vai exibir nenhum clássico", comenta.

Eduardo Ohata ainda faz um comparativo com o Paulistão de 2018. Nele, nas oito primeiras rodadas, ocorreram três clássicos e dois foram mostrados pela Globo.

Agora, em 2019, no mesmo período, há quatro jogos envolvendo os quatro principais clubes do estado, e apenas um estará na TV aberta.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 25 Jan 2019, 01:54 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://esporte.uol.com.br/futebol/de-primeira

A TV Globo tem pressa para definir as situações de Palmeiras e Athletico-PR. Ainda sem contrato assinado com os dois times para a transmissão dos jogos de ambos pelo Campeonato Brasileiro 2019, a emissora espera resolver o impasse até o final de fevereiro.

E o prazo tem um motivo : a programação do fantasy game Cartola. Segundo os responsáveis tecnológicos por desenvolver tal produto, prorrogar tal indefinição prejudica o sistema do jogo que movimenta milhões de reais e de usuários a partir do início do Brasileiro. Um acerto com um dos clubes após tal prazo prejudicaria toda a dinâmica dos participantes, que somam pontos e disputam ligas desde a primeira rodada.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 07 Fev 2019, 04:30 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://esporte.uol.com.br/futebol/de-primeira/2019/02/07/longe-de-paz-globo-e-conmebol-marcam-reuniao-por-transmissoes.htm

:globo:

A trégua na guerra entre Globo e Conmebol durou apenas enquanto a bola rolou para Talleres e São Paulo, na noite da última quarta-feira (6). Ainda longe de uma paz definitiva, emissora e confederação retomam as conversas a partir desta quinta (7) e já agendaram uma conversa pessoal entre executivos brasileiros e o diretor comercial da entidade, Juan Emilio Roa, para a próxima sexta (8), no Rio de Janeiro.

O clima, no entanto, está longe de ser cordial. A TV brasileira garante que analisou o contrato de transmissão diversas vezes e o mesmo não a impediria de veicular publicidade de seus anunciantes.

A entidade, por sua vez, diz que a Globo está mal-acostumada pelos acordos antigos com outras diretorias da confederação e não quer se adequar ao novo modelo.

Por ora, nenhuma sinalização de nova trégua para o jogo de volta entre São Paulo e Talleres, no próximo dia 13.

Ainda que descartem falar em rompimento, os dois lados não veem uma solução imediata. A briga promete se arrastar.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 10 Fev 2019, 01:21 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
:globo:


_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 21 Fev 2019, 10:33 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www1.folha.uol.com.br/esporte/2019/02/impasse-em-acordo-de-pay-per-view-ameaca-produto-de-r-14-bi.shtml

:globo:

O impasse nas negociações de Palmeiras e Athletico-PR com o Grupo Globo para venda dos direitos de transmissão em pay-per-view de jogos no Campeonato Brasileiro deste ano atinge produto que movimentou R$ 1,4 bilhão em 2018.

A indefinição preocupa as operadoras de TV por assinatura, que lucram com a venda da transmissão para seus assinantes.

Isso porque o principal atrativo dos pacotes de jogos em pay-per-view negociados por essas empresas é a possibilidade de o torcedor ver todos os jogos do campeonato em casa.

Sem o acerto, 74 das 380 partidas do torneio (19,5%) não poderão ser exibidas — segundo a Lei Pelé, uma partida só pode ser transmitida com a anuência dos dois times participantes — o que poderia impactar na receita dessas empresas.

Segundo Diogo Moyses, líder do programa de telecomunicações do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), a redução do número de jogos exibidos pode levar a questionamentos na Justiça de assinantes que adquiriram os pacotes pela promessa de assistir a todas as partidas da competição.

“O ideal é que as empresas fizessem um comunicado aos assinantes relatando a situação e apresentando as possibilidades. A primeira seria o cancelamento do contrato sem custo; a segunda seria o desconto proporcional à quantidade de jogos que não serão transmitidos”, diz.

A NET/Claro corre risco a mais de sofrer reclamações de consumidores porque anunciam em seus sites que os clientes que assinarem o serviço terão direito a todos os jogos do Campeonato Brasileiro. Os anúncios continuavam no ar ao menos até a tarde desta quarta (20).

A Globo, que vende os jogos por serviço de streaming, oferecia 100% das partidas, mas depois mudou o texto de sua propaganda.

“Quem já comprou tem direito a ser restituído proporcionalmente ao que pagou”, afirma Diogo Moyses.

O preço da assinatura do Premiere, canal que transmite os jogos de futebol em pay-per-view do Grupo Globo, varia de R$ 79,90 a R$ 109,90 por mês, dependendo do tipo de pacote e da operadora. Os valores se mantém no mesmo patamar da temporada passada.

Carlos Cesar Marera, diretor de fiscalização do Procon-SP, afirma que inda não apareceram reclamações sobre o assunto no órgão.

“Quando ou se acontecer o prejuízo, vamos tomar as devidas providências”, afirma.

A aproximação do início da competição torna a situação ainda mais preocupante para as operadoras de TV por assinatura. As empresas acompanham com atenção as tratativas, e têm pressionado a emissora a chegar a um acordo.

Palmeiras e Athletico-PR não aceitaram as propostas do Grupo Globo por divergências em relação a alguns itens do contrato.

A emissora quer estabelecer um redutor no valor a ser pago porque as duas equipes negociaram seus direitos de transmissão em TV fechada com a Turner, empresa que controla os canais Esporte Interativo, TNT e Space, entre outros.

O Grupo Globo entende que essa decisão atrapalha a viabilidade do modelo de negócio. A empresa terá menor poder para determinar o horário de realização das partidas do que se os clubes tivessem os jogos exibidos por emissoras da empresa em canal aberto, fechado e em pay-per-view.

O Palmeiras também contesta o cálculo usado para dividir o lucro obtido com a venda de pacotes de pay-per-view. É feita pesquisa entre os assinantes e os times com mais torcedores recebem porcentagem maior.

O clube diz que não há lógica na medida, já que as partidas do Palmeiras também atraem torcedores de outras equipes.

O Athletico-PR já conversa com outros possíveis parceiros. O presidente do conselho, Mario Celso Petraglia, afirmou que terá reunião com o Facebook na segunda (25) para falar sobre a exibição de jogos do clube na rede social.

A divisão dos direitos do Brasileiro entre Esporte Interativo e SporTV atinge um dos principais canais do Grupo Globo na TV paga.

Criado em 1994, o SporTV era até este ano o único a exibir jogos do campeonato ao vivo. Com a exclusividade na transmissão desse e de outros torneios, ele cobra uma das taxas de ativação — valor repassado pelas operadoras às emissoras — mais caras do mercado. A Folha apurou que o SporTV recebe pouco mais de R$ 10 por mês por assinante que tenha o canal.

As operadoras não divulgam quantos clientes têm o SporTV. A Sky oferece 11 tipos de pacotes e 8 deles com o canal. Na NET/Claro existem 3 pacotes e apenas 1 não tem SporTV. No caso da Oi TV, a emissora está em 2 dos 4 pacotes possíveis.

Segundo a Anatel (Agencia Nacional de Telecomunicações), em setembro de 2018, haviam 17,8 milhões de clientes de TV por assinatura no Brasil.

Considerando o valor repassado, o SporTV tem uma receita potencial de R$ 2,13 bilhões por ano.

Oi e Sky não quiseram comentar. A NET afirmou que o assunto deve ser tratado com o Grupo Globo.

Em nota, a unidade de esportes do grupo Globo disse não ter prazo para encerrar as conversas com os clubes:

“A oferta de conteúdo do Campeonato Brasileiro 2019 junto às operadoras vai continuar funcionando de acordo com os direitos contratados com os clubes da série A. Acompanhamos de perto as demandas dos consumidores de esporte para então buscarmos as melhores estratégias e conteúdos disponíveis no mercado. As negociações com os mesmos seguem em andamento e não temos necessariamente um deadline para encerrar as conversas. Todas as informações legais e do produto já foram disponibilizadas às operadoras, bem como em nossas páginas de venda.”

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 08 Mar 2019, 05:03 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
:globo:


_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 27 Mar 2019, 09:37 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://esporte.uol.com.br/futebol/de-primeira

:globo:

Após assinarem com a Globo, os clubes tiveram que se adequar à nova forma de pagamento. Antigamente, a quantia que cada um tinha a receber era parcelada em doze vezes. No novo acordo, apenas 40% do total é divido por todos os meses. Isso porque 30% referentes ao direito de transmissão serão pagos a partir de junho - o restante é pago de uma vez em dezembro de acordo com posição no Campeonato Brasileiro.

Isso fez com que clubes com pouco dinheiro em caixa passassem por dificuldades ainda maiores. Botafogo, Fluminense e Santos são clubes que atrasaram salários por esse motivo.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 04 Abr 2019, 15:04 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://tvefamosos.uol.com.br/noticias/redacao/2019/04/04/procon-notifica-operadoras-de-tv-a-cabo-sobre-oferta-do-pacote-brasileirao.htm

O Procon de São Paulo notificou hoje as operadoras de TV por assinatura Claro, Sky, Vivo, Oi e TIM para que esclareçam sobre a oferta de pacotes relativos a transmissão do Campeonato Brasileiro 2019, que começará no dia 27 de abril.

Como a Globosat não entrou em acordo com o Palmeiras, o que limitará o número de jogos disponibilizados ao assinante que contratou pacotes relativos ao Brasileirão 2019, o Procon quer saber como está sendo efetuada a oferta aos consumidores e se eles sabem da limitação das transmissões dos jogos.

A fundação também quer esclarecimentos sobre a situação de quem já contratou os serviços: se os valores cobrados serão abatidos; como e de quanto será o abatimento e se o consumidor está sendo informado sobre a possibilidade de reembolso.

De acordo com o diretor do Procon de São Paulo, Fernando Capez, os assinantes mais antigos do pay-per-view já contrataram os pacotes com a presença de todos os times do campeonato, ou seja, "na medida em que há um número menor de times, significa a diminuição na quantidade de serviço prestado e na quantidade de produto oferecido".

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 18 Abr 2019, 19:06 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/televisao/globo-cede-aceita-pagar-100-milhoes-em-luvas-mas-palmeiras-quer-mais-26152

:globo:

A Globo aceitou pagar R$ 100 milhões em luvas para o Palmeiras, único grande clube que ainda não assinou com a emissora para o Campeonato Brasileiro.

Mas a negociação segue travada porque o clube discorda da Globo em outros valores : o Palmeiras também quer receber pelo menos 15% do valor arrecadado com assinaturas dos pacotes de pay-per-view, pelo canal Premiere.

A nova posição da Globo foi dada em uma reunião ocorrida na tarde de quarta-feira (17), em São Paulo, com a presença de Fernando Manuel Pinto, diretor de gestão do futebol no Esporte do Grupo Globo, e de diretores do Palmeiras.

O Palmeiras também não abriu mão de outras exigências, como um número mínimo de jogos veiculados na TV aberta e um valor base garantido com o pay-per-view. O Flamengo e o Corinthians recebem 18,5% fixos pelas assinaturas, e o Palmeiras quer receber algo em torno de 15 % a 16 %.

A Globo discorda da porcentagem e quer pagar o Palmeiras de acordo com pesquisas de torcida.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 28 Abr 2019, 04:17 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www1.folha.uol.com.br/esporte/2019/04/globo-nao-aceita-contraproposta-do-palmeiras-para-transmissao-do-brasileiro.shtml

:globo:

O Grupo Globo informou ao Palmeiras na noite desta sexta-feira (26) que não aceitou a contraproposta feita pelo clube para acertar a compra de direitos de transmissão do Brasileiro para TV aberta e pay-per-view. As conversas, porém, vão continuar com o torneio em andamento.

O clube exigia que não fosse aplicado redutor no pagamento do pay-per-view em razão de o clube ter fechado direitos de TV por assinatura com o Grupo Turner, dono do canal TNT, onde os jogos do Brasileiro serão exibidos.

O Palmeiras também queria luvas maiores que as pagas ao rival São Paulo e não aceitou que os jogos na capital paulista deixassem de ser exibidos na cidade pelos canais da Turner.

A exigência da Globo tem o objetivo de garantir ao canal Premiere exclusividade na cidade onde as partidas são realizadas. Essa condição foi aceita pelos outros clubes da Série A que fecharam com a Turner e, posteriormente, venderam diretos para a Globo.

Procurado pela reportagem, o diretor de direitos esportivos do Grupo Globo, Fernando Manuel Pinto, confirmou que ainda não existe um acordo com o Palmeiras, mas ressaltou que as conversas vão continuar, mesmo após a primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

"Ainda existe uma negociação em andamento e também há engajamento dos dois lados. Não comento detalhes técnicos, para nós o importante é a coerência do modelo e a realidade, situação de mercado em que nos encontramos. Existe um tempo para avaliação e posição de cada parte, a conversa vem sendo conduzida de forma profissional por ambos, respeitamos isso e cabe a cada clube a decisão sobre seus ativos", disse ele à Folha.

Em nota, o presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, afirma que há diferenças financeiras e conceituais a superar.

"Cabe esclarecer que nosso posicionamento está embasado em critérios absolutamente técnicos, com ênfase em audiência, performance esportiva destacada e na relevância da marca Palmeiras, considerando não apenas a evolução dos últimos anos, mas sobretudo a perspectiva para os próximos", disse o presidente.

"Vale registrar que não há ruptura ou mudança drástica com relação aos valores históricos de remuneração e entendemos que aspectos concorrenciais possam ter tornado o processo de negociação mais complexo", completou Galiotte.

De acordo com apuração da reportagem com pessoas ligadas ao clube, o time alviverde não vai aceitar assinar um acordo com a Globo se os redutores não forem retirados do contrato. Por isso, a equipe paulista trabalha com a possibilidade de não ter seus jogos na emissora neste ano.

O canal também já considera o prejuízo de não vender pacotes de pay-per-view para os torcedores do Palmeiras. Último campeão brasileiro, o clube paulista foi o terceiro que teve mais torcedores que compraram o serviço da Globo em 2018.

Apesar de as partes manterem a possibilidade de negociação, com o início do campeonato a avaliação da Globo é de que a proposta será menor a cada rodada, já que o número de partidas também ficará menor no pacote.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 11 Mai 2019, 19:55 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www.esporteemidia.com/2019/05/proconsp-deve-se-pronunciar-na-proxima.html

O Procon/SP (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor) notificou cinco operadoras de TV por assinatura para que apresentassem esclarecimentos sobre o valor dos pacotes de PPV (pay-per-view) do Campeonato Brasileiro já que, por conta da falta de acerto do Grupo Globo com Palmeiras e Athletico/PR, nem todas as 380 partidas da competição.

"De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, as empresas devem reduzir o valor de forma proporcional aos jogos não transmitidos”, diz nota do Procon. Mais de 10 dias depois, porém, ainda não houve qualquer mudança ou novidade sobre o tema.

De acordo com Fernando Capez, diretor-executivo da Fundação, tudo ainda está sob análise e tramitando pelos departamentos jurídicos.

"O Procon instaurou averiguação preliminar e analisa o contrato e suas cláusulas. O caso saiu da Diretoria de Orientação para a Diretoria de Fiscalização. Ainda não houve decisão administrativa sobre o caso, que se encontra em análise jurídica. Semana que vem devemos ter novidades", disse Capez à reportagem.


Atualmente só consegue desconto ligando para a NET, mas eles dificultam ao máximo, inclusive na ligação telefônica, a mensagem gravada tenta induzir o cliente a assinar o preço cheio.

E pelo controle remoto só a venda pelo preço cheio também.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 21 Mai 2019, 01:15 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
:globo:


_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Relação entre Globo , Conmebol , FIFA e CBF
MensagemEnviado: 21 Mai 2019, 19:41 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 78370
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5235 vezes
Foi curtido: 1475 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://esportes.yahoo.com/noticias/palmeiras-vai-receber-bem-perto-de-flamengo-e-corinthians-no-ppv

:globo:

Palmeiras e Globo anunciarão nas próximas horas o acordo para os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro, em TV aberta e pay-per-view.

E dá para dizer que o Verdão ganhou a queda de braço com a emissora mais forte do país.

O blog apurou que a Globo desembolsará cerca de R$ 100 milhões para ter direito a exibir as partidas alviverdes no Premiere.

O valor é bem próximo aos R$ 110 milhões a que o Corinthians terá direito e aos R$ 120 milhões ao Flamengo, os clubes mais bem pagos do futebol nacional.

A primeira oferta feita ao Palmeiras pela TV foi de R$ 72 milhões, mesmo valor do São Paulo.

O presidente Maurício Galiotte bateu o pé e se recusou a fechar por uma quantia R$ 38 milhões inferior a do Corinthians.

Ao longo de quase oito meses de negociação e mais de dez reuniões, a Globo tentou mostrar que usava pesquisas para justificar que o Verdão não poderia valer o mesmo de Flamengo e Corinthians por causa do tamanho de sua torcida. Já Galiotte argumentava que tem o time mais competitivo do país e uma das torcidas com maior poder aquisitivo.

Nas longas tratativas, o Palmeiras também conseguiu que a Globo retirasse do contrato uma multa de 20% pelo fato de o clube ter cedido seus direitos de transmissão em TV fechada para a Turner (Esporte Interativo).

Essa, porém, não foi uma vitória única do Verdão. Santos, Internacional, Athletico Paranaense, Bahia, Ceará e Fortaleza já haviam se livrado do redutor, como vinha sendo chamada a multa, depois de um acordo entre a Turner e a Globo.

Ficou combinado que a Turner só poderá exibir dois jogos de cada um dos times com quem fechou para a praça. Exemplo : a emissora tem direito a mostrar para a cidade de São Paulo somente duas partidas do Palmeiras como mandante ao longo de todo o campeonato.

Desta maneira, o impacto das partidas do Esporte Interativo será menor no pay-per-view da Globo, permitindo que a emissora carioca abrisse mão da multa nos sete clubes que mudaram de lado.

De acordo com apuração do blog, pequenos detalhes, que estão sendo resolvidos por telefone, ainda não permitiram o anúncio do acerto entre Globo e Palmeiras. Mas a batida do martelo já é dada como certa no Allianz Parque.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 258 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 14, 15, 16, 17, 18  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: