Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]


Portal Chespirito



Criar novo tópico Responder  [ 71 mensagens ]  Ir para página Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Próximo
  Exibir página para impressão

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 30 Jan 2016, 23:42 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://globoesporte.globo.com/sp/futebol/noticia/2016/01/copa-do-mundo-pele-negocia-para-ser-garoto-propaganda-do-catar-2022.html

Detentora dos direitos de imagem de Pelé, a empresa Sport 10 negocia com o comitê organizador da Copa do Mundo do Catar para que o maior jogador de futebol de todos os tempos se transforme no principal garoto-propaganda do torneio de 2022.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 08 Fev 2016, 21:19 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 06 Ago 2012, 10:25
Mensagens: 11481
Localização: Campos do Jordão - SP
Curtiu: 40 vezes
Foi curtido: 130 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Santos FC
http://www.lance.com.br/futebol-internacional/qatar-revela-custo-astronomico-para-copa-mundo-2022.html

Imagem

O Qatar revelou, nesta segunda-feira, o valor que será investido para a construção de estádios, locais de treinamento para as seleções, centro internacional de imprensa para a Copa do Mundo de 2022, e da infraestrutura ao redor das instalações esportivas. Segure-se na cadeira para não cair para trás: serão 30 bilhões de dólares, aproximadamente R$ 117 bilhões.

Os números ficam ainda mais espantosos ao fazer a comparação com o Mundial de 2014, no Brasil. Segundo a última atualização da matriz de responsabilidade disponibilizada pelo Governo Federal pouco mais de um ano atrás, foram gastos R$ 8,4 bilhões para construção ou reforma dos 12 estádios utilizados na competição. O mesmo documento fechou todos os custos do Mundial passado em R$ 27,1 bilhões, incluindo obras de mobilidade urbana, segurança, etc.

A revelação foi feita por Hassan Al Thawadi, secretário-geral da Copa de 2022, em uma entrevista para alguns veículos de imprensa internacional, entre eles o LANCE!, em Doha, durante o Congresso Mundial de Jornalismo Esportivo. Foi revelado ainda que serão construídos 64 campos de futebol em centros de treinamentos.

- São 30 bilhões de dólares em relação a equipamentos de competição, como estádios, centros de treinamento, IBC (centro internacional de imprensa)... Há mais custos indiretos relacionados à Copa, mas esse valor eu não tenho. Sobre redução de custos depois do planejamento oficial, temos tentado diminuir sempre de acordo com as assinaturas de contrato. Estamos buscando o melhor custo-benefício para entregar a estrutura necessária para o campeonato - falou o dirigente.

O Qatar ainda não recebeu a confirmação da Fifa sobre a quantidade de estádios para a Copa de 2022. Apesar de ter apresentado 12 no dossiê de candidatura, o comitê local já trabalha com a possibilidade de realizar a competição com oito. Destes, uma está sendo apenas ampliado e reformado (Estádio Khalifa) e será entregue ainda este ano. Outros dois, segundo Hassan Al Thawadi, ficarão prontos em 2018: o Al Wakrah e o Al Bayt. Já os estádios Qatar Foundation e Al Rayyan deverão ter as obras completadas em 2019. O valor de cada um deles não foi revelado.

- Fizemos um estudo e descobrimos que seria mais caro reformar do que demolir o estádio do Al Rayyan. Ele terá capacidade para 45 mil pessoas e depois da Copa ficará com 25 mil. Vamos utilizar 90% do material da demolição para a construção do novo - disse Hassan Al Thawadi.

CUSTO DAS ARENAS DA COPA DE 2014

- Mané Garrincha (Brasília) - R$ 1,403 bilhão
- Arena Corinthians (São Paulo) - R$ 1,080 bilhão
- Maracanã (Rio de Janeiro) - R$ 1,050 bilhão
- Mineirão (Belo Horizonte) - R$ 695 milhões
- Fonte Nova (Salvador) - R$ 684,4 milhões
- Arena da Amazônia (Manaus) - R$ 660,5 milhões
- Arena Pantanal (Cuiabá) - R$ 583 milhões
- Arena Pernambuco (Recife) - R$ 532,6 milhões
- Castelão (Fortaleza) - R$ 518,6 milhões
- Arena das Dunas (Natal) - R$ 400 milhões
- Arena da Baixada (Curitiba) - R$ 391,5 milhões
- Beira-Rio (Porto Alegre) - R$ 330 milhões

_________________
ANDRÉ-LUIZ
Usuário do Fórum Chaves desde 06 de agosto de 2012.
Moderador do sub-fórum "O Meu Negócio é Futebol" desde 11 de Maio de 2013 até 03 de Novembro de 2014.
Campeão do 14° Torneio GUF - Série B [2014].
Moderador Global do FCH desde 04 de Novembro de 2014 até 04 de Maio de 2015.


Ainda não sei dizer, o que me completa
Ainda não sei por que, eu te amo a beça
Mas de uma coisa eu sei
O que me faz falta é o seu amor

Ainda não decidiu se você vai ou fica
Eu só sei te incluir de vez da minha vida
De uma coisa eu sei
O que me faz falta é o seu amor


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 08 Fev 2016, 21:32 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 12 Abr 2014, 22:25
Mensagens: 14654
Localização: Moro no Oito
Curtiu: 1005 vezes
Foi curtido: 1383 vezes
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Vasco
27 bilhões de reais e 30 bilhões de dólares, pra eles (quase) praticamente a mesma quantia, não?

_________________
Imagem


“Não existe episódio semelhante! Existe preguiça de ver o episódio até o fim!”
- XAVIER, Evilásio


12/04/2014 a 13/07/2014 - Toupas Prancas
13/07/2014 a 30/12/2014 - O gordo e o obeso
30/12/2014 em diante - O Gordo

MEMBRO do FÓRUM CHAVES desde 12/ABR/2014
USUÁRIO DO MÊS em DEZ/2014, FEV/2015, MAR/2015, ABR/2015, NOV/2016, FEV/2017, DEZ/2017, FEV/2018, MAI/2018 e em JUL/2018
.
MODERADOR em 09/MAI/2015 (1º mandato - DDNL); 09/NOV/2015 (2º mandato - DDNL);
MODERADOR GLOBAL em 05/MAI/2016 (3º mandato - Global)
MODERADOR em 07/MAI/2017 (4º mandato - Moderador)


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 09 Fev 2016, 22:33 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 31 Mar 2010, 00:47
Mensagens: 6893
Localização: Via Láctea
Curtiu: 659 vezes
Foi curtido: 454 vezes
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: São Paulo
Devem gastar bem mais que isso. Não dizem que vão construir a própria cidade onde vai ser a final?

_________________
Agente da Coroa a serviço da Rainha


Imagem

Ouça Don Cristóvão quero avisar que a tripulação está com fome!
E por que não comem?
Porque não há comida!
E por que não há comida?
Porque acabou!
E por que acabou?
Porque comeram!
E por que comeram?
Porque tinham fome!
Tá vendo, deveriam ter esperado!



Imagem

Imagem

Imagem

Dá licença, gente! Tô passando pelo tópico!!!


Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 11 Out 2016, 11:06 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://oglobo.globo.com/esportes/fifa-acusada-de-conivencia-com-maus-tratos-trabalhadores-da-copa-de-2022-20265750

A Fifa é alvo de acusação de um trabalhador de Bangladesh que diz ter sido explorado quando atuava nas obras para a Copa de 2022, no Qatar.

Com apoio de advogados de uma federação de sindicatos da Holanda, Nadim Shariful Alam, de 21 anos, ameaça levar o caso à Justiça da Suíça, país onde fica a sede da entidade que comanda o futebol no mundo.

As denúncias de desrespeito às leis trabalhistas são frequentes contra o Qatar, mas é a primeira vez que a Fifa é responsabilizada diretamente.

Em carta enviada na noite de domingo à Fifa, segundo reportagem do jornal inglês "The Guardian", advogados que representam Alam e a Confederação Holandesa dos Sindicatos do Comércio deram prazo de três semanas ao presidente da entidade, Gianni Infantino, para reconhecer a cumplicidade da instituição com a situação degradante dos operários dos estádios que serão usados no Mundial.

Se a Fifa não fizer esse reconhecimento e pagar indenizações, a denúncia será feita ao Judiciário suíço e poderá virar um processo legal.

A Fifa tem dito que não pode ser responsabilizada pelo que chama de "problemas sociais" do país sede da Copa 2022.

Segundo a Fifa, são feitos esforços junto ao governo do Qatar para regularizar a situação dos operários estrangeiros, que muitas vezes trabalham em condições similares à da escravidão.

Segundo os advogados de Alam e dos sindicatos holandeses, porém, a organização se omite ao não usar sua influência para garantir que os trabalhadores sejam tratados justamente, já que cabe a ela o papel de supervisionar o andamento das obras para o Mundial.

Pelos valores com as quais a Fifa trabalha, o pedido de indenização do operário de Bangladesh é até modesto. Ele cobra compensação financeira de 10 mil euros. O problema pode ser o efeito em cascata disso, se outros trabalhadores optarem por exigir da Fifa que os indenize também.

Segundo denúncias frequentes, os trabalhadores estrangeiros que atuam nas obras de infraestrutura e nos estádios do Qatar não podem se demitir nem deixar o país. E recebem pagamentos abaixo do combinado.

Nadim Shariful Alam contou ter pago 3,5 mil euros a um recrutador para trabalhar nas obras. Ele relatou que teve seu passaporte confiscado pelos donos da empreitada logo depois de chegar ao Qatar e que trabalhou por 18 meses em condições ilegais. O trabalhador revelou ainda que ficou confinado num campo com outros operários. A função dele era descarregar navios que levavam materiais de construção. Alam informou que, depois de ser despedido e deportado, não recebeu o suficiente nem para ter de volta o que pagou ao recrutador.

O Qatar tem sido alvo frequente de denúncias de desrespeito às regras do trabalho em relação aos estrangeiros levados ao país para atuar nas obras da Copa de 2022. Organizações não governamentais, como a Anistia Internacional, têm se manifestado contra o tratamento dado aos operários no país.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 18 Dez 2016, 21:19 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://www.istoedinheiro.com.br/noticias/economia/20161128/empresa-chinesa-vence-licitacao-para-construir-principal-estadio-copa-2022/436712

O grupo chinês Railway, em parceria com a empresa catariana HBK Contracting Co. W.L.L., venceu a licitação para a construção do principal estádio da Copa do Mundo 2022, anunciaram os organizadores.

O estádio, que terá capacidade para cerca de 80.000 espectadores e será sede da partida de abertura e da final da Copa, será construído em Losail, 20 km ao norte de Doha.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 29 Out 2017, 22:49 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/justica-da-franca-acha-r-71-milhoes-em-conta-de-ricardo-teixeira/

Ricardo Teixeira, ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), entrou na alça de mira da Justiça da França.

Ricardo Teixeira é suspeito de ter participado de um esquema de compra de votos para o Catar sediar a Copa do Mundo de 2022 e teve uma conta bancária identificada por procuradores no banco Pasche, em Mônaco, com US$ 22 milhões (R$ 71,1 milhões).

O banco Pasche, uma filial do banco francês Crédit Mutuel, é suspeito de participação em lavagem de dinheiro e alvo de investigação judicial no principado.

O ex-presidente da CBF aparece de forma indireta em investigação em curso no Ministério Público Financeiro de Paris sobre a suspeita de desvio de verbas na aquisição de companhias francesas.

Esta apuração resvalou em outra, realizada na Suíça, sobre compra de votos para o Catar sediar a Copa de 2022 e com isso, Ricardo Teixeira se tornou alvo.

A parte da apuração relacionada ao cartola brasileiro está ligada à suspeita de que um amistoso entre Brasil e Argentina disputado em Doha, em 2010, serviu para mascarar a compra de votos a favor do Catar.

As suspeitas sobre Teixeira datam de 2010 e já apareceram antes em apurações do Ministério Público da Suíça. Elas se concentram no papel do empresário catari Ghanem ben Saad al-Saad, ex-presidente do fundo Qatari Diar, na negociação envolvendo o Mundial do Catar.

À época, o fundo dispunha de US$ 60 bilhões (R$ 193,9 milhões) para investimentos imobiliários e Paris costumava ser um dos centros de interesse de seus diretores. Hotéis de luxo, como o Royal Monceau, foram adquiridos, assim como participações em empresas, como as multinacionais Vinci e Veolia.

Esses negócios despertaram o interesse do Escritório Central Anticorrupção de Nanterre, na periferia de Paris. O órgão encontrou suspeitas de desvios de recursos na aquisição de 5% das ações da companhia de serviços coletivos Veolia, realizada pelo Qatari Diar na gestão de Al-Saad. A suspeita é de que 182 milhões de euros (R$ 697 milhões) em comissões ocultas tenham sido desviados na negociação em direção a três empresas situadas em paraísos fiscais.

É aí que o caso Qatar-Veolia, como é conhecido no MP francês, cruza a investigação suíça sobre a compra de votos para a Copa do Mundo de 2022 e pode atingir Teixeira. Al-Saad, que era próximo do emir do Catar, Tamim ben Hamad al-Thani, foi também fundador e diretor-presidente de uma empresa, a Ghanin Bin Saad Al Saad & Sons Group (GSSG), que gerenciava investimentos bilionários em áreas como construção civil, aeronáutica, petróleo e finanças.

Ocorre que a GSSG é também a empresa que financiou e patrocinou a realização do jogo entre Brasil e Argentina em 17 de novembro de 2010, organizado duas semanas antes da votação na Fifa que escolheria o Catar como sede da Copa de 2022.

A suspeita é de que Al Saad tenha dividido o valor dos US$ 8,6 milhões (R$ 28,2 milhões) pagos pelo amistoso em três partes. Uma delas, de cerca de US$ 2 milhões (R$ 6,5 milhões), foi parar em uma conta de Cingapura - a suspeita é dele próprio. Os demais recursos teriam sido divididos entre Teixeira e um dirigente argentino.

O que o Ministério Público Financeiro de Paris tenta identificar é onde foram parar os US$ 182 milhões desviados do Qatari Diar na gestão de Al-Saad em troca das ações de Veolia, qual o mecanismo financeiro usado para fazer o dinheiro transitar e qual seria o vínculo dessa transação, se houve, com a remuneração dos dirigentes de Brasil e Argentina.

Para tanto os procuradores parisienses solicitaram informações ao Ministério Público Federal brasileiro, com o qual já vem colaborando no escândalo da compra de votos para a escolha da sede da Olimpíada de 2016.

Na Suíça, Ministério Público e FBI colaboram em uma investigação sobre o suposto envolvimento de Teixeira em esquemas de corrupção na Fifa. O MP de Berna já realizou operações em empresas ligadas ao financiamento do amistoso entre Brasil e Argentina e coopera no que se refere a pelo menos três contas bancárias do brasileiro.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 30 Out 2017, 17:16 
Offline
Avatar do usuário
Moderador

Registrado em: 12 Dez 2009, 23:54
Mensagens: 16242
Localização: Jaboatão - PE
Curtiu: 2957 vezes
Foi curtido: 783 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Sport
https://copadomundo.uol.com.br/2018/noticias/2017/10/30/apos-neymar-e-messi-estado-islamico-usa-imagem-de-cr7-em-ameaca-a-copa.htm

Imagem
Imagem
:unsure: :unsure: :unsure:


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 18 Nov 2017, 17:40 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://www1.folha.uol.com.br/esporte/2017/11/1935793-no-exterior-qatar-tenta-defender-a-copa-que-fara-em-2022.shtml

Muita bola vai rolar antes da Copa do Mundo de 2022, no Qatar, mas esse diminuto país árabe já colocou o time em campo na diplomacia.

Um dos indícios desses esforços é que Hassan al-Thawadi, secretário geral do comitê organizador do Mundial e um dos homens mais influentes do Qatar, tem intensificado sua agenda para promovê-lo internacionalmente.

Paira ao redor da primeira Copa em um país árabe uma série de controvérsias : de violações aos direitos dos operários dos estádios do torneio a críticas por investimentos em uma infraestrutura grande demais para a população local.

Houve até acusações de corrupção em torno da candidatura qatariana.

O evento ainda pode ser prejudicado pela situação política. O Qatar está sob o embargo de seus vizinhos, incluindo a rival Arábia Saudita.

A reportagem assistiu em 31 de outubro a uma palestra de Thawadi na instituição cultural Casa Árabe, em Madri. Acompanhado por sua delegação, ele defendeu o evento, explicou seus planos e prometeu que os estádios estarão prontos a tempo - e terão uso após a Copa.

O Qatar tem apenas 2,5 milhões de habitantes, que dificilmente preencherão as arenas que ficarão como herança do Mundial. O estádio Khalifa, em Doha, por exemplo, terá capacidade para 40 mil pessoas.

"Quando apresentamos nossa candidatura, já sabíamos que a capacidade exigida pela Fifa não correspondia às nossas necessidades", Thawadi afirmou à Folha.

São raras as partidas com grande público no país. Por isso, algumas arenas terão arquibancadas provisórias, que serão removidas depois da Copa. Outras serão completamente reformuladas para outros propósitos.

O Qatar também planeja toda uma renovação de sua infraestrutura, incluindo criar três linhas de metrô para permitir que os torcedores possam assistir a duas partidas em um mesmo dia.

"A Copa acelerou todos esses projetos, mas eles já existiam", disse o organizador.

O trabalho na construção dos estádios já rendeu algumas das críticas mais duras aos organizadores do Mundial de 2022.

Organizações humanitárias chegaram a acusar o país de usar trabalho forçado nas obras para as instalações.

"Todos os países têm problemas trabalhistas", afirmou Thawadi. "Mas estamos nos esforçando para adaptar nossa legislação, e ainda não terminamos", completou.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 30 Nov 2017, 08:49 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/qatar-apresenta-projeto-de-estadio-100-desmontavel-para-copa-2022_33556.html

O Qatar segue firme nos preparativos para sediar a Copa 2022.

A novidade apresentada pelo país árabe nesta semana foi o projeto do primeiro estádio 100% removível do mundo.

É isso mesmo : o estádio monta e desmonta, de acordo com o que as autoridades quiserem.

Idealizado para 40 mil espectadores, o estádio Ras Abu Aboud é o sétimo apresentado pelo Comitê Supremo de Entrega e Legado do Qatar para a Copa do Mundo de 2022. No total, serão oito.

O projeto foi feito pelo escritório de arquitetura espanhol Fenwick Iribarren, também responsável pela construção do RCDE Stadium, do Espanyol, em Barcelona, além de estádios no Marrocos, na Noruega e no próprio Qatar.

A ideia é ousada. De acordo com o Comitê, o estádio será erguido com blocos modulares desmontáveis, que possuem assentos e outras instalações, como banheiros e locais para comer e beber, 100% removíveis. Os blocos principais serão os próprios contêineres que levaram materiais da Espanha até o porto de Doha, que fica bem próximo ao estádio.

Ainda segundo o Comitê, a iniciativa vai exigir menos material, produzirá menos lixo e terá uma emissão bem menor de gases de efeito estufa do que os estádios convencionais.

Dessa forma, se tudo correr bem, o estádio tem grandes chances de receber a certificação quatro estrelas do Sistema de Avaliação de Sustentabilidade Global (GSAS).

“Este estádio oferece o legado perfeito, pois é capaz de ser montado em um local completamente novo ou transformado em inúmeras instalações esportivas e culturais. Tudo isso da maneira mais sustentável possível”, disse Hassan Al Thawadi, secretário geral do Comitê Supremo de Entrega e Legado.

“Estamos confiantes de que este conceito inovador e sustentável será uma inspiração para promotores de estádios e arquitetos de todo o mundo, pois é capaz de criar estádios com uma ótima estética e que também ofereça diversas possibilidades sustentáveis”, afirmou Mark Fenwick, um dos donos do escritório de arquitetura.

O Ras Abu Aboud ficará instalado em uma área de 450 mil metros quadrados em Doha, capital do país, bem próximo ao porto.

O estádio receberá alguns jogos do Mundial de 2022 até as quartas de final.

Após o torneio, poderá ser desmontado e ter seus blocos levados para outros locais do próprio Qatar ou até para outros países.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 03 Dez 2017, 21:55 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 15 Dez 2017, 18:52 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
http://terceirotempo.bol.uol.com.br/noticias/copa-do-mundo-de-2022-sob-pressao

A sede da próxima Copa do Golfo mudou de forma repentina. O torneio, programado para ser iniciado no próximo dia 22, seria no Qatar. Com a troca, o evento foi transferido para o Kwait.

Saudada pelo presidente da Fifa, Gianni Infantino, a decisão foi muito mais motivada por pressão política do que por razões esportivas.

E a jogada foi mais um lance que fortalece as suspeitas de que a Copa do Mundo de 2022 também possa migrar do Catar para algum outro destino.

Desde a metade do ano, o Catar enfrenta isolamento diplomático imposto por seis países do Golfo. O bloco é liderado pela Arábia Saudita, que acusa o pequeno e bilionário emirado de vínculos com o terrorismo e de, por meio da rede Al-Jazeera, querer expandir sua influência pela região. Para voltar a normalizar as relações, o bloco enviou ao Catar uma série de exigências. Entre elas está o fim das operações da Al-Jazeera, o que obviamente foi rechaçado.

Para não acirrar ainda mais o clima belicoso, Infantino optou por tentar distensionar o ambiente e elogiou a decisão do Catar. Para tanto, evocou o argumento de que foi restituído ao Kwait um evento que já seria do país, não fossem as punições recentes impostas pela Fifa por conta da interferência do governo na federação de futebol local.

A acrobacia verbal do cartola não levou em conta que a Copa do Golfo é um evento da Arab Gulf Cup Football e não está, portanto, subordinada à Fifa. Assim, mesmo que continuasse punido o Kwait poderia organizar o torneio.

É óbvio que a ´devolução´ ao Kwait não se trata de uma cortesia. Dos oito países que disputarão o torneio, cinco cortaram relações com o Catar. Opulento e com ambições de protagonismo regional, o emirado tenta driblar a asfixia econômica que o boicote implica. O país de 11.437 quilômetros quadrados, um quarto do estado do Rio de Janeiro, tem apenas 59 quilômetros de fronteira terrestre. Em toda essa extensão faz divisa com a Arábia Saudita. Pelo mar, as melhores rotas de acesso passam por águas controladas por Bahrein e Emirados Árabes, com quem também deixou de ter vínculos diplomáticos.

Por conta das restrições e também da queda dos preços internacionais do petróleo, as receitas do emirado caíram no último semestre, o que impactou os investimentos nas obras de infra-estrutura para a Copa do Mundo. Dos 12 estádios planejados, apenas 8 serão efetivamente construídos. E o budget para 2018 sofreu corte equivalente a R$ 25 bilhões.

A Fifa monitora a evolução dos fatos. A entidade há não muito tempo passou a ter a Catar Airways entre os principais sponsors. Para se tornar uma das marcas globais que estão no time da Fifa, a companhia aérea catari desbancou a concorrente, e agora mais inimiga que nunca, Emirates.

Para a Fifa seria um gol contra se indispor com uma parceira e com o país que organizará a Copa de 2022. Mas Infantino também sabe que não dá para ignorar os movimentos dos sauditas e de seus aliados.

A Europa jamais se encantou com a possibilidade de disputar uma Copa do Mundo no Catar por um vasto elenco de razões, como as mudanças no até agora intocável calendário do continente. Só que jamais tramou para mudar a sede do torneio, com a previsível exceção da Inglaterra.

E a França, uma das potências regionais, certamente tentaria evitar um golpe contra o Catar, que é responsável por polpudos investimentos no país. A contratação de Neymar, o fortalecimento do PSG e a expansão do canal beinSports são os símbolos mais vistosos que o dinheiro do Catar recentemente comprou em território francês. E obviamente ninguém por lá gostaria de ver esse fluxo de dinheiro desaparecer.

A Fifa, por sua vez, não gosta de soluções na marra. Jamais a entidade cassou de um país escolhido o direito de receber o mundial. Quando a Colômbia deixou de organizar a Copa de 1986 foi por decisão do país e não por retaliação da Fifa. Mas começam a pipocar em jornais da Europa e da América do Norte notícias e análises de que agora tudo pode ser diferente.

E o plano B, informou o interessado jornal mexicano Record, seria antecipar para 2022 a realização de uma Copa que os países da América do Norte pleiteiam para 2026.

Ocorre que também nesse cenário há uma questão diplomática a ser resolvida : como é que ficariam as delegações e os torcedores dos países atingidos pelas restrições que estão sendo impostas pelo governo Donald Trump a cidadãos de algumas nações muçulmanas ? Se o Irã, por exemplo, repetir a classificação para a Copa, como ocorreu em 2014 e 2018, como ficariam os seus torcedores que desejassem apoiar a seleção em território americano ?

Tudo o que a Fifa não quer é que a política abale os seus suculentos negócios. Mas como manter tudo em ordem com Trump e os sheiks árabes à solta por aí ?

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 28 Jan 2018, 23:02 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://globoesporte.globo.com/futebol/futebol-internacional/noticia/livro-tv-do-catar-fez-acordo-de-r-320-mi-com-fifa-por-copa-2022-antes-de-votacao.ghtml

A Fifa fez um acordo de U$ 100 milhões (R$ 320 milhões na cotação atual) com uma emissora de TV estatal do Catar antes da votação para a escolha da sede da Copa do Mundo de 2022, que será no país asiático.

A revelação é do livro “Custe o que custar” (tradução de “Whatever It Takes”), que será lançado no fim deste mês, e teve trechos revelados pelo jornal inglês “Mail on Sunday”.

A emissora em questão era a “Al Jazeera Sports”, atual beIN Sports, que atualmente é chefiada pelo atual presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi. O acordo previa o pagamento da quantia caso o Catar fosse eleita a sede da Copa do Mundo de 2022.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 22 Jun 2018, 18:17 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Artigo do jornalista Marcel Rizzo diz que jogos da Copa 2022 podem acontecer entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro de 2022 - https://marcelrizzo.blogosfera.uol.com.br/2018/06/20/a-copa-do-mundo-tem-muito-jogo-feio-no-qatar-em-2022-isso-pode-mudar/


Nessa época do ano (como o Brasil tem horário de verão) são 5 horas de diferença de horário de Doha para Brasília.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: Notícias da Copa do Mundo de 2022
MensagemEnviado: 06 Jul 2018, 19:38 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 20:39
Mensagens: 73168
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4472 vezes
Foi curtido: 1111 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
O fuso horário de Doha é o mesmo de Moscou.

A Copa 2022 deverá ter horários iguais aos da Copa 2018 (com jogos às 9:00, 12:00 e 15:00 na fase de grupos e 11:00 e 15:00 no mata mata).

Só que com jogos em novembro e dezembro, por causa do calor do Qatar.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 71 mensagens ]  Ir para página Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas [ DST ]


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Baidu [Spider] e 1 visitante


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: