GLOBO (2019)

Tópico para postagem de notícias e comentários sobre a Globo

Tópicos fechados criados originalmente TV de Segunda Mão
Avatar do usuário
Homessa
Membro
Membro
Mensagens: 18476
Registrado em: 24 Mar 2014, 19:00
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Botafogo
Localização: Rio de Janeiro-RJ
Curtiu: 329 vezes
Curtiram: 1532 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por Homessa » 17 Out 2019, 12:33

Morre no Rio Maurício Sherman, um dos pioneiros da TV no Brasil, como ator, produtor e diretor.
Imagem
https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/ ... lobo.ghtml

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 18 Out 2019, 02:52

https://tvefamosos.uol.com.br/blog/maur ... -nacional/

:globo:

Com números de audiência crescentes em todas as suas sessões de filmes, a Globo colocou no ar esta semana uma chamada enaltecendo a diversidade de títulos e gêneros que exibe. Os resultados em matéria de Ibope são fruto de um investimento que vem ocorrendo nesta área já há alguns anos, aponta Amauri Soares, diretor de programação da Globo, em uma rara entrevista.

Amauri Soares enfatiza na conversa a aposta pesada em filmes brasileiros. É uma mudança importante. Até poucos anos atrás, o cinema brasileiro era tratado como um "gênero", que ganhava semanas especiais de exibição. Este ano, a Globo vai exibir perto de 100 títulos nacionais em diferentes faixas.

O executivo descreve como a Globo se aproximou da indústria cinematográfica nacional e explicou o que espera de filmes para as suas variadas sessões.

Crescimento em 2019
É resultado de uma reestruturação grande que a gente fez na carteira de filmes, na curadoria nos últimos anos, na calibragem dos filmes para o momento atual. Todos os slots (as sessões) de filmes estão com aumento de audiência em relação ao ano passado. No caso do Tela Quente, que é o nosso principal slot, de janeiro até 7 de outubro, cada sessão está alcançando em média 2 milhões de pessoas a mais. No mesmo período do ano passado, o Tela Quente tinha uma média de 39 milhões de pessoas. Está em 41 milhões. É um aumento muito significativo.

A crise "ajuda"
Tem uma questão de conjuntura, de caráter econômico. A gente vive um momento de economia menos aquecida, de base de emprego menor, e tem mais gente em casa. A retomada da economia brasileira está muito lenta e ainda não absorveu a legião de trabalhadores (desempregados).

Monopólio de super-heróis
De outro lado, a nossa oferta melhorou muito. Nos últimos três, quatro anos, a gente fez um trabalho muito grande para modernizar o portfólio de filmes da Globo. Vimos aqui muito cedo esta tendência de filmes de super-heróis. Isso nos levou a aperfeiçoar o negócio com a Disney/Marvel, a buscar um acordo com a Warner/DC Comics, que a gente não tinha. Hoje, todos os filmes de heróis estão na Globo. Todos os lançamentos.

Cardápio ampliado
A gente diversificou muito. Deixamos de ter acordos com estúdios que consideramos pouco produtivos e fizemos acordos com um número maior de estúdios. Hoje temos acordo com a Universal e a Sony. São estúdios que têm muitos blockbusters. Com isso, mais as compras que a gente faz no mercado independente (a gente compra muito) nos EUA e na Europa e mais os filmes brasileiros, a gente tem um mix muito competitivo e relevante.

Cinema brasileiro como uma coisa só
A Globo é a maior exibidora de cinema brasileiro. A gente exibe todos os filmes de coprodução da Globo Filmes e também os que não são da Globo Filmes. Até quatro ou cinco anos atrás, o filme brasileiro era tratado como gênero na programação de filmes da Globo. Tinha um slot de filmes brasileiros. "Cinema Nacional", "Sessão Brasil", "Festival do Cinema Brasileiro".

Nova visão sobre o filme brasileiro
Acompanhando o trabalho da Globo Filmes, a gente entendeu que o cinema brasileiro deveria estar em todas as sessões de cinema. E que a gente deveria ter como objetivo programar filmes brasileiros no Tela Quente. Se a gente continuasse olhando o filme brasileiro como um gênero, ele nunca ia disputar espaço com o cinema internacional na grade da Globo. E poderia ficar sendo tratado como um conteúdo de menor importância, de segunda classe. A gente queria outra coisa, que estivesse em qualquer slot.

Impacto sobre a produção de filmes
Houve também um compartilhamento de informações, na Globo Filmes, para quem lida com cinema. O que a Globo espera de um filme para o Tela Quente? O que a gente espera de um filme para o Corujão? O que a gente espera de um filme para a Sessão da Tarde? Ao compartilhar com os realizadores a nossa visão de curadoria, a gente aumentou a produtividade. E todo mundo saiu ganhando. Nós ganhamos uma diversidade maior, tendo mais filmes brasileiros. O filme brasileiro está ocupando espaços nobres na televisão e alcançando um público muito maior que o da bilheteria dos cinemas. Acho importante para o cinema dialogar com esta audiência da televisão. Então, acho que todo mundo ganhou com isso.

Informação sobre o público
Temos um volume cada vez maior de informações sobre o público que está vendo TV, sobre os hábitos de consumo, sobre as interações com outras plataformas. É muito maior do que há três anos atrás. Usamos esse conhecimento maior para aperfeiçoar a nossa curadoria.

Choque de Cultura
Quando a área de humor trouxe o Choque de Cultura, achamos que a Temperatura Máxima era o slot mais adequado. Na transição entre o filme e o futebol, há uma convergência grande de público. Isso dá uma modernidade para o filme de domingo à tarde e dá para o Choque de Cultura um público muito mais abrangente do que o do digital. É uma combinação interessante. Pra gente, é uma construção. Avaliação é muito positiva. Os comentários do Choque de Cultura dão uma espécie de recall, de cauda longa, no digital para o filme. Gera um buzz que avança pela semana. Este é um atributo muito importante.

Fim da Sessão da Tarde ?
Não tem nada de concreto nisso. É fofoca. A gente não cogitou. Pelo contrário. A gente modernizou bastante a curadoria da Sessão da Tarde. É um slot que apresenta um tremendo desafio. Primeiro que é diário. São cinco filmes por semana. Um público bastante diverso, num país enorme. Continua tendo enorme relevância, um alcance muito grande, uma audiência muito grande, tem relevância comercial.

Memória afetiva
Tem um aspecto de memória afetiva na Sessão da Tarde. Uma segunda geração vendo o filme com a primeira. Mãe vendo o filme junto com o filho, um encontro de gerações. A gente tem muitos depoimentos espontâneos nas redes sociais sobre essa relação afetiva com a Sessão da Tarde. A gente está muito satisfeito com o resultado. A gente faz aquisições específicas para esta sessão. Ela tem classificação indicativa de 12 anos, o que é um desafio a mais. Não é qualquer filme que a gente pode exibir.

Algoritmo
Nós criamos um algoritmo para ajudar os programadores na programação de filmes da Sessão da Tarde. Nós tagueamos todos os filmes no acervo, com características de cada um. O algoritmo entrega para o programador uma lista de filmes com os atributos que a gente quer. Tem que ter censura livre, tem que ser adequado para a família, não pode ter determinado tipo de cena, queremos determinado tipo de história, qual tipo de gênero. O algoritmo oferece o dobro de opções que o programador sozinho conseguiria levantar. E é um algoritmo criado na Globo, pela equipe de tecnologia com os programadores.

Globoplay
Estamos tentando fazer aquisições conjuntas. Para que, aos poucos, o Globolay tenha todos os filmes que a gente exibe na Globo. E que eles possam ter os nossos slots. Não seria bom se o Globoplay tivesse todos os Tela Quente do ano disponíveis? Você adquire os direitos de exibição por "janela". A gente agora busca negociar as janelas conjuntamente, para a TV aberta, VOD e pay TV, para fazer uma estratégia de ciclo de vida do filme, e não apenas a exibição em uma janela.

Fim da Sessão de Gala
No domingo à noite, a gente tinha tradicionalmente duas sessões de filmes. Domingo Maior e Sessão de Gala. Domingo Maior voltado a um público maior, com uma curadoria mais generalista, de filmes ainda para família, mas muita aventura, muitos filmes de ação. E depois, a Sessão de Gala era um slot que olhava para filmes clássicos. Quando a gente foi estudar a audiência do domingo à noite, a gente viu que à medida em que ficava mais tarde, a audiência ficava menos feminina, mais masculina, e o número de jovens aumentava. E a gente encontrou um espaço para filmes de ação, histórias de aventura. Criamos então todo um novo conceito. Em junho de 2019, virou Cinemaço.

Conversa com a Globo Filmes
Levamos isso para a Globo Filmes. Nós gostaríamos que o filme brasileiro disputasse espaço aqui. O que aconteceu? A gente vem aumentando ano a ano o número de filmes brasileiros exibidos. O trabalho que a Globo Filmes faz compartilha esse nosso entendimento com os seus produtores e roteiristas. Ao avaliar um roteiro novo, eles se perguntam: quando ele for para a TV aberta, para qual slot ele seria? É para o Tela Quente?
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 18 Out 2019, 19:21

:globo:

https://tvefamosos.uol.com.br/colunas/f ... lowski.htm

"Sim, é verdade, estou deixando o Grupo Globo" - com essas palavras, a apresentadora Glenda Kozlowski acaba de confirmar para esta coluna a sua saída do Grupo Globo.

"Em comum acordo", explica a apresentadora.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
CHarritO
Moderador
Moderador
Mensagens: 56639
Registrado em: 02 Fev 2009, 12:40
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Localização: Indaial/SC
Curtiu: 236 vezes
Curtiram: 973 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por CHarritO » 18 Out 2019, 21:19

Justo a saída da Glenda... ela foi muito escanteada nos últimos anos e até foi "rebaixada" ao SporTV. :joinha:
Meus títulos e conquistas no FCH:
Moderador Global do FCH (2012 à 2014 / desde 2016)
Moderador do Meu Negócio é Futebol (2010 à 2012 / 2015 à 2016)
Eleito o 1º vencedor do Usuário do Mês - Março 2010
Campeão do Bolão da Copa do FCH (2010)
Campeão do 13º Concurso de Piadas (2011)
Bicampeão do Bolão do FCH - Brasileirão (2011 e 2012)
Campeão do Bolão do FCH - Liga dos Campeões (2011/2012)
Campeão de A Casa dos Chavesmaníacos 10 (2012)
Campeão do Foot Beting (2014)
Pentacampeão da Chapoliga (2014, 2015, 2016, 2017 e 2019)
Campeão de O Sobrevivente - Liga dos Campeões (2016/2017)
Campeão de O Sobrevivente - Copa América (2019)
Campeão do Bolão da Copa América (2019)

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 18 Out 2019, 22:49

"Globo Repórter" melhor programa da Globo atualmente.

Bom programa hoje sobre a Alemanha e teve outro sobre Nova York, há alguns dias atrás que foi bom também.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 25 Out 2019, 13:06

https://tvefamosos.uol.com.br/colunas/l ... bbb-20.htm

:globo:

Pelo visto o 'BBB 20' será mesmo uma edição comemorativa com famosos, como muito se especulou pelos fãs do reality show.

A Coluna do Leo Dias, que revelou ontem que Íris Stefanelli, a 'Siri do 'BBB 7', deve voltar ao programa, hoje traz um novo nome que está sendo ventilado para a atração : Bianca Andrade, ou mais conhecida como 'Boca Rosa'.

A Youtuber e influencer de beleza coleciona quase 8 milhões de seguidores no Instagram. Ela assumiu recentemente um namoro com o cantor Diego, da banda Melim. A beldade também tem seu lado atriz e participou recentemente do filme "Ela Disse, Ele Disse", de Thalita Rebouças.

No Instagram, Boninho, diretor do programa, faz mistério. Ele publicou há algum tempo uma imagem que mostrava "50/50" e escreveu : "Vem aí o BBB 20! Parece que foi ontem que começamos essa loucura. E comemorando esse número, vamos começar a dar dicas do que vai ser!".

O público já desconfiou de que a imagem representaria 50% de novos participantes e 50% de antigos (ou de famosos).
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 28 Out 2019, 20:14

https://fabiaoliveira.odia.ig.com.br/co ... amoso.html

:globo:


Muito se fala sobre o 'BBB 20' contar com nomes famosos.

Alguns supostos cotados, inclusive, já foram especulados.

Na Globo, o papo é que a próxima edição especial de 20 anos do reality será composta por metade dos participantes anônimos, como de costume, e a outra metade com famosos, especificamente algumas subcelebridades.

Mas, segundo consta, o martelo ainda não foi batido.

O fato é : encontrar nomes famosos para compor parte do elenco não será tão fácil para Boninho, uma vez que participantes do 'BBB' ficam sempre presos em contratos que, dependendo do desempenho no confinamento, podem ter até um ano de validade.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
Barbano
Administrador
Administrador
Mensagens: 42020
Registrado em: 28 Jan 2009, 13:29
Time de Futebol: São Paulo
Localização: São Carlos (SP)
Curtiu: 1941 vezes
Curtiram: 3894 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por Barbano » 29 Out 2019, 09:15

Daqui a pouco ele copia o formato daquela Casa dos Artistas que teve metade de famosos, e a outra metade de fãs dos famosos :P
Esses usuários curtiram o post de Barbano (total: 1):
Victor235

Avatar do usuário
Ruuki
Membro
Membro
Mensagens: 7781
Registrado em: 31 Mai 2010, 21:24
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Vasco
Localização: Townsville
Curtiu: 159 vezes
Curtiram: 276 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por Ruuki » 29 Out 2019, 23:47

Aí vem o quesito Participantes e fica igual à Fazenda
10 ANOS NO FÓRUM CHAVES!

A MAIS QUERIDA DO FÓRUM CHAVES:
Bi-Vencedora do A Propósito... - Edições #5 e #6 (2011)
Bi-Vencedora do Balão do Usuário 3.0 - Edições #2 e #16(2011/2012)
Vice-Campeã do 14º Concurso de Piadas (2012/2013)
Consagrada Usuária Dourada da Fazenda do Fórum Chaves 2 - Em grupo (2013)
Eleita a Usuária do Mês de Outubro e Novembro/2013
3º Lugar na Fazenda do Fórum Chaves 3 (2014)
3º Lugar na Casa dos Chavesmaníacos 14 (2015)
Moderadora do TV de Segunda Mão (Novembro/2015-Novembro/2016)
Campeã da Casa dos Chavesmaníacos 15 (2016)
Vice-Campeã da Fazenda do Fórum Chaves - Nova Chance (2018)
Campeã de #AFazendaConectada (2019)
Moderadora (Maio-Novembro/2019)

®2010-2020 Ruuki

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38447
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3084 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por Victor235 » 30 Out 2019, 00:45

Muitas pérolas no QQSUM?:

"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Avatar do usuário
gusta dos biscoitos
Membro
Membro
Mensagens: 10415
Registrado em: 24 Jul 2018, 12:05
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Grêmio
Localização: RSRSRSRS
Curtiu: 4482 vezes
Curtiram: 945 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por gusta dos biscoitos » 30 Out 2019, 07:27

Curti a música no início do programa.


Imagem

Imagem

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38447
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3084 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por Victor235 » 30 Out 2019, 12:56

Bolsonaro ameaça não renovar concessão da TV Globo
https://mais.opovo.com.br/colunistas/er ... globo.html

Se Bolsonaro não renovar concessão da Globo, repetirá decisão de Chávez em 2006
https://www1.folha.uol.com.br/poder/201 ... 2006.shtml
"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 01 Nov 2019, 06:39

https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia ... 0-mi-30529

:globo:

A relação belicosa entre a Globo e Jair Bolsonaro custará à maior rede de TV do país cerca de R$ 200 milhões a menos em seus cofres neste ano.

A Globo deverá faturar em 2019 entre R$ 150 milhões e R$ 170 milhões com campanhas de estatais e ministérios, estimam fontes do mercado publicitário e do próprio governo.

Em 2018, a Globo faturou R$ 400 milhões líquidos com publicidade do governo.

Em 2019, o número só não será menor que um quarto disso porque o Banco do Brasil já tinha fechado antes da posse de Jair Bolsonaro o patrocínio do Bom Dia Brasil e do programa Pequenas Empresas Grandes Negócios.

Os investimentos do banco, de R$ 79 milhões, são praticamente a metade de tudo o que o governo Bolsonaro irá colocar na Globo neste ano.

Os R$ 400 milhões que arrecadou com órgãos do governo federal em 2018 representaram apenas 4% dos cerca de R$ 10 bilhões que a Globo arrecadou em todo o mercado.

A Globo tende a se manter na liderança do ranking das TVs abertas que mais recebem dinheiro do governo, porque, como tem mais audiência, sua tabela de preços é bem mais alta do que as das concorrentes.
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
E.R
Membro
Membro
Mensagens: 89201
Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5499 vezes
Curtiram: 1983 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por E.R » 04 Nov 2019, 11:57

O GLOBO

:globo:

No próximo dia 25, entra no ar “Amor de mãe”, a primeira novela gravada no novo complexo de estúdios da Globo conhecido como MG4.

Fruto de um investimento de R$ 200 milhões, a estrutura promete um novo jeito de se fazer TV. Mas o que é isso, afinal ? E como a tecnologia vai marcar a nova trama, estrelada pela babá Lurdes (Regina Casé), a dona de restaurante Thelma (Adriana Esteves) e a advogada Vitória (Taís Araújo).

— Utilizamos câmeras soltas, sem cabo, que permitem uma liberdade criativa que já conquistamos com as séries. E é possível fazer isso dentro de uma rede wireless, para fazer cortes de cena. Também temos os nossos conteúdos disponíveis em uma nuvem privada para pós-produção simultaneamente à gravação, abrindo possibilidades de edição remota. E adotamos câmeras de ultra-alta definição nas novas instalações. O MG4 representa um salto tecnológico no modelo de produção de conteúdo — diz o diretor Ricardo Waddington.

Para o diretor de produção, tudo isso terá impacto na experiência do público, mas é nos cenários que a mudança talvez seja mais fácil de perceber.

Com os novos estúdios, eles não precisam mais ser desmontados a cada dia de gravação. Por isso, usam materiais mais sólidos, mais próximos da realidade. Aproximam-se, assim, de casas “de verdade”, que só serão desfeitas ao fim do trabalho.

José Luiz Villamarim, diretor da trama criada por Manuela Dias, ocupou cada estúdio com a casa de uma das protagonistas. Na geografia do Rio, essas residências ficariam tão distantes quanto a vida de suas respectivas moradoras — uma numa comunidade da Zona Oeste, outra num bairro de classe média que viu a construção de um viaduto tirar seus dias de glória, a última em um endereço charmoso, certamente a poucos passos do mar. Na ficção, estão todas a alguns metros de distância.

Para entrar na casa de Lurdes, é preciso saltar uma mureta de cimento — artifício comum usado por quem sofre com enchentes. Dentro, ao redor de uma geladeira de mais de três décadas que mal funciona, tijolos e cimento aparente cobrem tetos e paredes.

Andando mais um pouco, chega-se ao outro estúdio, onde se vê uma típica construção de subúrbio, com pé direito alto e móveis em madeira, que parece ter parado no tempo, com um banheiro de azulejo cor de rosa e uma pia repleta de caixas de remédio.

Passos adiante, surge um apartamento digno de revista de decoração. É uma casa tão sofisticada que parece fria, a não ser por uma peça que concentra todo o afeto : um berço jamais usado.

— Essa novela tem como característica ser realista. Com os cenários fixos, posso usar materiais da cenografia mais pesados, como mármore e pedra, que trazem isso. A novela fica mais realista na realização, o que tem a ver com o conceito dela — explica.

Outra mudança que o espectador deve sentir logo de início é que, como todos os cenários estão completos, é possível fazer mais planos sem cortes. Assim, uma cena que vai da cozinha à sala, por exemplo, não precisa mais ser feita em ocasiões diferentes.

—Antes, você tinha que cortar a cena no meio. Agora, você trabalha na ordem cronológica, na emoção da cena. Você tem tudo ali para o ator realizara melhor interpretação possível —aponta o diretor.

Para Taís Araújo, o impacto na atuação é inevitável :

—Como está tudo montado, a gente tem mais liberdade. Tudo funciona, então fica mais real. Na minha casa, posso estar no meu quarto, vou andando, abro a geladeira, e a casa toda está funcionando — conta ela, enquanto se preparava para gravar uma cena tensa em que Vitória demonstra mais uma vez a frustração em não conseguir ser mãe.

A personagem, que fez fortuna advogando para poderosos, mantém no seu apartamento de luxo o quarto do bebê que perdeu de forma traumática. Mais tarde, sua vida irá se cruzar com a de Lurdes, uma nordestina batalhadora que sonha em recuperar um de seus filhos, e a de Thelma, viúva e mãe superprotetora de Danilo (Chay Suede).

O MG4 deve mudar também a forma de se fazer roteiros de gravação, explica Ricardo Waddington :

—Ter os três novos estúdios nos dá, por exemplo, a flexibilidade de manter todos os cenários montados enquanto o produto estiver sendo gravado e, consequentemente, uma nova maneira de fazer roteiro. No modelo que utilizamos todos estes anos, o plano de gravação de uma novela era feito em função da capacidade de montagem de cenário —destaca ele.

Inaugurado em agosto, o MG4 é resultado de cinco anos de pesquisa e obras, e foi criado para ampliar a capacidade dos Estúdios Globo, que já chegava perto dos 100%.

Maior complexo de produção de conteúdo da América Latina, na Zona Oeste do Rio, a estrutura ocupa uma área de 1,73 milhão de metros quadrados, com 13 estúdios, ampliando a oferta de serviços da emissora, que também alimenta a plataforma de streaming Globoplay.
Imagem
Imagem

Victor235
Membro
Membro
Mensagens: 38447
Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Curtiu: 3639 vezes
Curtiram: 3084 vezes

Re: GLOBO

Mensagem por Victor235 » 04 Nov 2019, 19:16

Imagine como seria se a Globo não estivesse falida :assobiando:
"Se aproveitaram da minha astúcia" - VELOSO, Caetano

Trancado